Pular para o conteúdo principal

COSTA RICA, AMÉRICA CENTRAL - Uma terra de vulcões, florestas tropicais, cachoeiras e rios. Você pode escolher entre uma variedade de atividades como rafting, snorkeling, caiaque, pesca esportiva, surf, e muito mais. A atividade mais desafiadora será escolher o que fazer!




CONHEÇA A "COSTA RICA", AMÉRICA CENTRAL
Explore desfiladeiros e canyons embutidos na floresta tropical da Costa Rica. Caminhar, subir, nadar, pular, rappel e tirolesa através de uma aventura de uma vida. Cachoeira rappelling é um dos melhores esportes de aventura da Costa Rica. Usando uma variedade de técnicas desenvolvidas para um esporte conhecido como canionismo, você vai caminhar na floresta onde você terá uma conversa de segurança e depois praticar rappel antes de descer uma série de cascatas de tirar o fôlego. 
Vulcão na Costa Rica eh uma das atrações turísticas 



SOL E PRAIA NA COSTA RICA
Costa Rica ocupa um lugar privilegiado no coração da América Central. Embora o seu território de 19.652 milhas quadradas toca tanto o Mar do Caribe e o Oceano Pacífico, o país é surpreendentemente acessível - pode-se viajar de costa a costa em apenas três horas de carro (ou 45 minutos de avião).
A região das Caraíbas da Costa Rica se destaca por sua variedade de ecossistemas aquáticos e suas belas praias de areia branca e preta, proporcionando um cenário ideal para atividades como pesca esportiva, mergulho e banhos de sol. A costa do Pacífico concentra grandes centros turísticos e suas praias são muito populares para o surf, por exemplo Esterillos, Jaco, Hermosa, Boca Barranca. Na região de Golfito, perto do Parque Nacional Marino Ballena, os fãs de surf podem encontrar a famosa "longa onda esquerda".
A grande atração da zona, e uma das maiores da Costa Rica, é o vulcão Arenal, que vale muito a pena conhecer. É preciso alguma sorte para apanhar o céu descoberto mas, quando acontece, é dos espetáculos mais bonitos e emocionantes que se pode ver, principalmente à noite quando se consegue ver as explosões e a pedras incandescentes a rolar pena colina abaixo. La Fortuna é a cidade mais próxima, onde estão a maioria dos serviços como agência de aventura, restaurantes, supermercados, etc. Tem também muitos alojamentos mas o ideal é ficar num dos vários hotéis situados ao longo da estrada, de preferência com vista para o vulcão


AVENTURA NA COSTA RICA
Costa Rica é uma terra de vulcões, florestas tropicais, cachoeiras e rios. Os viajantes podem escolher entre uma variedade de atividades como rafting, snorkeling, caiaque, pesca esportiva, surf, e muito mais. A atividade mais desafiadora será escolher o que fazer!
Costa Rica é um destino com uma abundância de emoções e adrenalina para os amantes do turismo de aventura. Durante todo o ano, e na maior parte do país, seja na água ou terra, você pode selecionar entre uma grande variedade de atividades para toda a família. Geralmente ocorrem em ambientes naturais, onde você terá experiências inesquecíveis.



ECOTURISMO NA COSTA RICA
Considerada uma das regiões mais biodiversas do mundo, a Costa Rica está dividida em 20 parques naturais, 8 reservas biológicas e uma série de áreas protegidas que cativam os amantes do ecoturismo. A variedade de actividades inclui passeios a cavalo, caminhadas caminhos montanhosos nas florestas de nuvens e passeios guiados de observação de pássaros.
O Parque Nacional de Tortuguero é especialmente famoso por aninhamento de tartarugas marinhas que ocorre todos os anos, e os canais naturais que abundam com espécies protegidas, como crocodilos, peixes-boi e lontras.

A cidade de Grecia é conhecida pela sua igreja original, Iglesia de la Nuestra Señora de las Mercedes. Foi construída com placas de aço pré-fabricado trazidas da Bélgica. Existem somente duas igrejas com estas características no mundo.
TURISMO RURAL NA COSTA RICA
A Costa Rica tem investido mais de 50 anos no desenvolvimento rural, bem como as comunidades rurais têm lutado mais de 500 anos, a fim de defender sua identidade e reivindicar o direito ao desenvolvimento e equidade. Todos estes anos de esforços são capitalizados hoje em novas iniciativas para o endógeno reforço das economias locais.
O Turismo Rural Comunitário é uma das iniciativas que, pouco a pouco, tem representado um importante meio de desenvolvimento para as comunidades rurais potencialmente capazes de competir com outros locais de atração de alta qualidade. O mundo rural é, portanto, caleidoscópica única como para ativos, história, natureza, talentos e esperanças. Esse é o significado do turismo rural comunitário, um produto turístico autêntico e impossível de imitar, uma ferramenta importante para o desenvolvimento das comunidades eo aprimoramento da identidade costarriquenha.

Fábrica da Intel na Costa Rica, responsável pelo elevado PIB do país. 
CONHEÇA E SE ENCANTE COM A COSTA RICA
Revoadas de pelicano fazem companhias aos surfistas até nas praias mais movimentadas. Iguanas gigantes estão por todos os lados. Em plena autopista, é possível parar sobre uma ponte e observar dezenas de crocodilos. Um oásis de estabilidade e relativa prosperidade, o que lhe rendeu o apelido de “Suíça da América Central”, a Costa Rica é o país com maior porcentagem de território regido por leis de proteção ambiental em todo o mundo, abrigando 5% da biodiversidade terrestre: são 35 parques nacionais (muitos deles com excelente e completa infraestrutura turística) e oito reservas biológicas, cujas superfícies somadas correspondem a 26% de seus 51 mil quilômetros quadrados. Em outras palavras, um dos melhores e mais cômodos lugares do globo para o ecoturismo. 
Liberia é a capital da província de Guanacaste mas não é, por si só, um destino comum para viajantes em turismo. Pode ser um ponto de passagem no regresso de Arenal ou, a maior parte das vezes, é o último ponto de paragem antes de atravessar para a Nicarágua pela fronteira terrestre de Peñas Blancas. Ou vice-versa. 
Catedral metropolitana de Costa Rica na Capital San José
Museu nacional de Costa Rica
Pouco menor que o estado do Rio Grande do Norte, a Costa Rica se divide em três regiões radicalmente diferentes. Apenas 120 quilômetros separam as duas costas do país, entre os oceanos Pacífico e Atlântico, que somam juntas 1 228 quilômetros de praias, costões rochosos e manguezais e são separadas por uma coluna de cordilheiras. Isso significa que, sem desmanchar o penteado, em um mesmo dia é possível tomar café da manhã à beira do quente e úmido litoral do Caribe (o menos explorado do país), subir ao topo de um vulcão e chegar à árida costa do Pacífico (onde estão as praias mais conhecidas, como Tamarindo) a tempo de curtir o pôr do sol – forte candidato ao mais perfeito da sua vida – de piña colada em mãos.
Visão parcial da Capital da Rosta Rica, San José
Teatro Nacional da Costa Rica na capital San José
Como chegar
Vôos para San Jose com a Copa Airlines (www.copaair.com) e Taca (www.taca.com).
Informações ao viajante
Línguas: Espanhol 
Moeda: Cólon 
Visto: Não é necessário 
Embaixada oficial no Brasil: 
SRTVN, Quadra 701, Conjunto C, Ala A, Sala 310, Edificio Centro Empresarial Norte Brasilia - DF 
(61)3032 8450
Capela que fica no hotel Marriott

OPÇÕES DE HOSPEDAGEM
MARRIOTT HOTEL NA CAPITAL SAN JOSÉ
O Marriott Hotel San José na Costa Rica possui uma decoração elegante, arquitetura colonial espanhola e uma variedade de comodidades modernas, incluindo um spa de luxo, um centro de ginástica e vários restaurantes. Os quartos e suítes possuem tecnologias modernas.

CAFÉ DA MANHÃ
Buffet de café da manhã, taxa a partir de: 26,00 USD
Café da manhã americano completo, taxa a partir de: 26,00 USD
Café da manhã continental, taxa a partir de: 12,00 USD
Café da manhã para viagem, taxa a partir de: 10,00 USD
Café da manhã quente, taxa a partir de: 10,00 USD



VISÃO GERAL DE QUARTOS
Ar-condicionado
Quarto para não fumantes
Quartos interligados estão disponíveis (para alguns quartos)
Este tipo de quarto é oferecido na versão de quarto para hóspedes com mobilidade reduzida com chuveiro para cadeira de rodas
HISTÓRIA DA COSTA RICA
A Costa Rica foi descoberta e, provavelmente, batizada por Cristóvão Colombo, em sua quarta viagem à América, em 1502. Havia na região cerca de trinta mil indígenas, divididos em três grupos: güetares, chorotegas e borucas. Encontrados os primeiros indícios de ouro, usado em ornamentos indígenas, os espanhóis planejaram um núcleo de colonização sob o comando de Bartolomé Colombo, irmão do descobridor. Expulsos logo a seguir pelos indígenas, só conquistaram a região em 1530. Antes de tornar-se província da capitania-geral da Guatemala, em 1540, Costa Rica chamava-se Nova Cartago. Os limites demarcatórios foram fixados entre 1560 e 1573.
A Costa Rica tornou-se independente em 15 de setembro de 1821 e três anos depois uniu-se, por pouco tempo, ao México. Em 1824 passou a integrar a Federação Centro-Americana, dissolvida em 1838. Nessa época teve início a exportação de café para a Europa, e San José viveu um período de intenso crescimento e prosperidade. Durante a administração do general Tomás Guardia, que governou despoticamente o país entre 1870 e 1882, a Costa Rica atingiu notável desenvolvimento econômico. Incrementou-se o comércio de açúcar e café, construíram-se ferrovias e abriram-se portos para escoar a produção.
A Costa Rica é um país da América Central, com 4,8 milhões de habitantes, A capital é San José, cidade essa que projeta o país no cenário internacional emprestando seu nome e tendo sido sede da elaboração do Pacto de San José da Costa Rica, mais conhecido como a Convenção Americana de Direitos Humanos de 1969. A capital do país é sede ainda da Corte Interamericana de Direitos Humanos, órgão competente para julgar as graves violações de direitos humanos ocorridas nos países signatários, tendo como clássico exemplo o caso da Guerrilha do Araguaia.
A Costa Rica é um dos países democráticos mais consolidados da América, e é o único país da América Latina incluso na lista das 22 democracias mais antigas do mundo. O país aboliu o exército no dia 1 de dezembro de 1948, fato perpetuado na Constituição Política de 1949. Isso permite que o país viva uma estabilidade política que possibilita o desenvolvimento costarriquenho no setor econômico e social. Ademais, durante o século XX, enquanto regimes ditatoriais se disseminaram pelo continente americano, a Costa Rica não passou por governos autoritários que se valeram da força de armas para administrar o país . Assim, ao contrário da maioria dos países da América central, a Costa Rica não vivenciou golpes de Estado e guerras civis depois de abdicar de seu exército nacional.
ESTA EH A BANDEIRA DA REPÚBLICA DA COSTA RICA
ESTE EH O BRASÃO DA REPÚBLICA DA COSTA RICA

Site: http://www.visitecostarica.com
População: 3.900.000 hab
Fuso horário: -3h (horário de Brasília)
Código de área: 506
Localização: América Central





VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE



Fonte / Fotos = visitcostarica.com / Thymonthy Becker / Wikipédia / viagemeturismo.abril.com.br / 
Divulgação / viagemparasolteiros.com.br / tempodeviajar.com / svpturismo.com.br / 



Comentários

Páginas que receberam mais visitas

BAEPENDI, MINAS GERAIS - A terra de "Nhá Chica". Baependi é um convite para se deslumbrar com as mais de cinqüenta cachoeiras que cercam a cidade. Na natureza preservada no município estão cerca de 40% do parque ecológico do papagaio, é local ideal para fazer trilhas e acampar em paradisíacos lugares. Baependi é uma das poucas cidades que podem ser visitadas durante qualquer época do ano, sem se preocupar com a programação que irá encontrar pois, o verão é bem definido, sendo um convite para se deslumbrar com as mais de cinqüenta cachoeiras que cercam a cidade e o inverno pouco chuvoso propicia inúmeras opções para enfrentar trilhas e acampar em paradisíacos lugares. A religiosidade ocupa lugar de destaque como um dos fatores que mais atraem os visitantes, uma vez que Baependi foi o lugar onde a serva de Deus, Nhá Chica, concedeu suas graças, hoje em dia inúmeras romarias de diversas partes do país têm como destino o Santuário de Nhá Chica, onde também se encontram seus restos mortais.

COLORADO, RIO GRANDE DO SUL - Será que tem gremista em Colorado? Claro que tem. Colorado é uma pequena cidade do Alto Jacuí. Fundada por imigrantes italianos e alemães. O município tem como base da economia a produção agrícola. Cenários de belezas, cores e aromas que seduzem os turistas. Cenários de belezas, cores e aromas que seduzem os turistas

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras, inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas. Destes, Capitólio se destaca por oferecer as melhores opções de serviços e infraestrutura turística. Os passeios náuticos, os esportes aquáticos, a pesca esportiva e a exuberância natural são pontos fortes da região, que abrange também parte do Parque Nacional da Serra da Canastra, onde nasce o Rio São Francisco, o "Velho Chico". O Lago de Furnas, também conhecido como "O MAR DE MINAS", é quatro vezes maior que a Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro.

BRASÍLIA, DF, BRASIL - Brasília é formada por gente de todos os lugares, todas as idades e de muitas gerações. É uma mistura de sotaques do Nordeste, Sudeste, Norte e Sul do país e até de estrangeiros. Por conta de seu rápido crescimento, já é a quarta cidade mais populosa do país. A maioria dos moradores, 52%, é mulher e tem em média 30 anos. Os primeiros habitantes que chegaram a Brasília vieram, principalmente, atraídos pelos empregos na construção civil e ajudaram na construção da capital. Eles eram chamados de candangos e aqui construíram e criaram famílias. Desses, surgiram os “brasilienses”, o gentílico usado para quem nasceu aqui e adotado por quem veio de fora e assumiu a cidade como sua.

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal da cidade com 62 metros de altura. A Gruta Pedra Santa localizada no distrito de Catuné, uma obra construída pela própria natureza. Ao longo do tempo a grande pedra foi desintegrando-se e formou-se um grande salão, onde ergueu-se a capela em Honra a Nossa Senhora de Lourdes. Praças diversas, museu municipal que funciona na antiga estação ferroviária, usina hidrelétrica de Tombos e os dois distritos “Catuné” e “Água Santa” valem uma visita à cidade de Tombos

IGATU, ANDARAÍ, BAHIA - Eh uma verdadeira cidade de pedra. "Sagrada" pra quem viveu lá durante o auge do ciclo do diamante. O trajeto até a vila já é uma atração: a estrada de acesso pela BA-142 é cheia de mirantes naturais. Ao chegar, a impressão é de ter voltado no tempo, quando igatu era chamada de Xique Xique e famosa pela extração de diamantes. Hoje não há farmácias, o hospital mais próximo fica em Andaraí, a 12 km. Em outros tempos quem diria? Cabarés, cassinos, lojas, cadeia, cartório, cinema...

RIO DE JANEIRO, BRASIL - Do primeiro ao último minuto do ano, não falta o que fazer, o que visitar e o que rever no Estado do Rio de Janeiro, que não por acaso ostenta o rótulo de Maravilhoso. Além das praias e de seus outros dois ícones geográficos – o Corcovado e o Pão de Açúcar – o Rio vem ganhando uma série de atrativos culturais e gastronômicos. Quem deixa a capital e percorre o litoral fluminense encontra praias de beleza raríssima. Ao norte, na Região dos Lagos, estão as dunas de Cabo Frio, as águas translúcidas e frias de Arraial do Cabo, boas para mergulho, a badalação de Búzios e as trilhas rurais de Rio das Ostras. De frente para a Baía da Guanabara, Niterói mostra que a vista para a cidade do Rio não é o único atrativo. Além de oferecer, na sua face voltada para o alto mar, trechos de areia ideais para quem quiser fugir do agito de Ipanema e Copacabana, o município começa a explorar o legado das construções assinadas por Oscar Niemeyer, entre elas o famoso Museu de Arte Contemporânea.

GRAMADO, RIO GRANDE DO SUL - Faltava neve à Gramado para que ela assumisse de vez o título de “Suíça brasileira”. Não falta mais: o Snowland, primeiro parque de neve artificial indoor das Américas, trouxe esportes de inverno à cidade, que já era famosa pelas construções enxaimel (aquelas de paredes esquadrinhadas com tirantes de madeira), pelas fondues nos bons restaurantes suíços e pelo climinha gostoso da Serra Gaúcha.

CAMPO BELO, MINAS GERAIS - A primeira cidade do Brasil a ter um time de Rugby (Campo Belo Rugby - CBR) A cidade tem paisagens deslumbrantes com campos a perder de vista. Ideal para a prática de esportes de aventura, ecoturismo, esportes náuticos com várias cachoeiras, praias de água doce além da tradicional e boa comida mineira. Uma cidade tranquila, acolhedora com boas opções para hospedagem

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.