Pular para o conteúdo principal

SANTA BÁRBARA, MINAS GERAIS - Seja para relaxar, curtir a natureza, apreciar a culinária local, a religiosidade ou mergulhar na história da cidade e de seus personagens, aqui é o lugar certo. Portanto, seja bem-vindo à Santa Bárbara! Sossego, religiosidade, história e natureza. Tudo isso e muito mais em Santa Bárbara. Pequena e charmosa, a tricentenária Santa Bárbara está localizada num dos pontos de maior relevância turística da Estrada Real: o Circuito do Ouro. A 105 quilômetros da capital mineira e encravada no pé da Serra do Caraça, a terra natal do Presidente Affonso Penna está a 75 km de Ouro Preto, 60 de Mariana e 13 de Catas Altas




CONHEÇA A CIDADE HISTÓRICA DE "SANTA BÁRBARA", MINAS GERAIS, BRASIL - OLHANDO DA JANELA DO TREM
Seja para relaxar, curtir a natureza, apreciar a culinária local, a religiosidade ou mergulhar na história da cidade e de seus personagens, aqui é o lugar certo. Portanto, seja bem-vindo à Santa Bárbara! 
Sossego, religiosidade, história e natureza. Tudo isso e muito mais em Santa Bárbara. 
Antiga Casa de Câmara e Cadeia em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Ascensão de Cristo, Matriz de Santa Bárbara (Matriz de Santo Antônio) produzido pelo pintor Mestre Ataíde. (Prefeitura Municipal)
Cachoeira Águas de Santa Bárbara em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Casa de Cultura de Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Pequena e charmosa, a tricentenária Santa Bárbara está localizada num dos pontos de maior relevância turística da Estrada Real: o Circuito do Ouro. A 105 quilômetros da capital mineira e encravada no pé da Serra do Caraça, a terra natal do Presidente Affonso Penna está a 75 km de Ouro Preto, 60 de Mariana e 13 de Catas Altas. 
Casa de Cultura de Santa Bárbara, MG (Fernando Bezerra)
Casarão da cidade de Santa Bárbara, MG (Fernando Bezerra)
Casarão da cidade de Santa Bárbara, MG (Fernando Bezerra)
Paisagens bucólicas se formam à beira da Serra do Caraça, tornando a cidade repleta de ambientes tranquilos e acolhedores. Suas origens também estão calcadas no Ciclo do Ouro mineiro, visto que minas da região foram exploradas em larga escala pelos bandeirantes no século 18. Vale esticar até o Parque Natural da cidade, com belas trilhas, cachoeiras e prédios históricos bem conservados.
Casarão em Santa Bárbara, MG (Viajem / Fernando Bezerra)
Centro Histórico da cidade de Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Falar sobre a história de Santa Bárbara é ter forçosamente que falar sobre o “Caraça”, notável educandário, com grande folha de serviços prestados a Deus e à Pátria. Se as minas de Catas Altas, encheram o alforje dos desbravadores, o Colégio do Caraça lapidou a inteligência de muitas gerações. Quem lançou a semente de tão importante obra foi o Irmão Lourenço de Nossa Senhora, personagem misteriosa, da qual pouco se sabe. É tradição que o erudito Lourenço não era outro senão Dom Carlos de Mendonça Távora, membro da família Távora, que procurava naquela região refúgio, vítima que eram todos os de sua família das atrozes perseguições do Marques de Pombal. (IBGE)
Santa Bárbara e Catas Altas dividem o Parque Natural do Caraça, a visita à igreja gótica e o museu do santuário é praticamente obrigatória (Sérigio Mourão)
Centro Histórico de Santa Bárbara, MG (Daniela Almeida)
Santuário do Caraça em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Igreja Matriz de Santo Antônio em Santa Bárbara, MG (Ricardo Junior)
Com os recursos e auxílios que esmolara, o Irmão Lourenço comprou uma sesmaria no Caraça, escravos, gado e outros bens, e a 24 de março de 1744, pode erigir uma Capela ali, cedendo-lhe todas as propriedades. Assim nos conta o historiador Vitor da Silveira. 
Depois do falecimento do Irmão Lourenço a propriedade foi entregue à Congregação de São Vicente de Paulo, e, com a chegada dos missionários, ficou definitivamente instituído o colégio que educou esmeradamente, milhares de jovens que galgaram as mais elevadas posições. (IBGE)
Grupo Escolar Affonso Penna em Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Hotel em Santa Bárbara, MG (Rogério Santos Pereira)
Igreja do Rosário da cidade de Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Das páginas da história de Santa Bárbara, salta, também, a singular figura de João Batista de Souza Coutinho, o Barão de Catas Altas, que herdando a mina do Congo, tornou-se o homem de maior fortuna da região. Entretanto, levando vida nababesca e cheia de leviandades, morreu na miséria. 
Santa Bárbara é berço de Afonso Augusto Moreira Pena que prestou os mais relevantes serviços à Pátria, chegando ao posto de Presidente da República. (IBGE)
Igreja do Rosário em Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Memorial Affonso Penna em Santa Bárbara, MG (Rogério Santos Pereira)
Interior do Memorial Affonso Penna em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
DDD: 31 
Estado: Minas Gerais 
Distância de outras cidades: Belo Horizonte: 120 km; Mariana: 66 km 
Santa Bárbara é a cidade mais próxima do Santuário do Caraça, no Parque Natural do Caraça, patrimônio natural e histórico com trilhas e cachoeiras – além de lobos-guarás, que podem ser vistos ao anoitecer. As ruas e prédios do Centro Histórico têm passado por restauração. 
Colégio do Caraça em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Igreja Matriz de Santo Antônio em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Fachada da Prefeitura Municipal de Santa Bárbara, MG (Rogério Santos Pereira)
COMO CHEGAR A SANTA BÁRBARA, MG 
Saindo de Belo Horizonte, pegue o Anel Viário até a BR-381. Percorra 68 km nesta via e saia, à direita, para a MG-436. Em Barão de Cocais a rodovia fica com o nome de MG-129. Siga por mais 19 km até Santa Bárbara. 
Rua do Centro Histórico com a Prefeitura, Hotel Quadrado e Igreja do Rosário em Santa Bárbara, MG (João A. Cota)
Rua da Matriz em Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Cachoeira da cidade de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
O QUE FAZER EM SANTA BÁRBARA, MG 
Além do Santuário do Caraça, outra atração em Santa Bárbara chama muita atenção: a Matriz de Santo Antônio, com cores vivas e entalhes folheados a ouro. O Memorial de Affonso Penna, ex-presidente brasileiro, é de algum interesse. 
Cachoeira na cidade de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Rua da cidade de Santa Bárbara, MG (Cléber Costa)
SANTUÁRIO DE CARAÇA 
As principais atrações dentro do Parque Natural do Caraça são a Igreja N. S. Mãe dos Homens, a Mata Atlântica na Serra do Espinhaço, trilhas para as cachoeiras Taboões e Cascatona, além dos lobos-guará espalhados por todo o parque.
Marco da Estrada Real em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Antiga Estação Ferroviária de Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Cachoeira no Santuário do Caraça em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
CONHEÇA A TRICENTENÁRIA SANTA BÁRBARA, MG 
Quem vier a tricentenária Santa Bárbara vai encontrar sossego, passeios históricos, contato com a natureza, religiosidade e um povo acolhedor. São muitos os lugares para visitar, como o Memorial Affonso Penna tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA/MG) 
Igreja de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Serra do Caraça em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Cachoeira na Serra do Caraça em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
CIDADE DO MEL 
Santa Bárbara é conhecida também por ser a cidade do mel, um dos principais produtos feitos aqui, que é exportado para várias regiões do país e da América Latina. A cidade tem hoje o maior entreposto de beneficiamento de mel do Estado de Minas Gerais e o quinto maior do Brasil. Por isso, foi criada a Casa do Mel, onde os turistas conhecem a importância do mel para o município, as técnicas de colheita, aprendem receitas culinárias e encontram vários tipos de produtos que vão do mel silvestre para sobremesas até sabonetes para peles sensíveis.
Antiga estação Ferroviária de Santa Bárbara, MG (SG Trangel)
Cachoeira da cidade de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
No alto da Serra do Caraça em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
PARQUE RECANTO VERDE EM SANTA BÁRBARA, MG 
Outro ponto turístico bastante visitado é o Parque Recanto Verde, localizado no coração da cidade, com 45 hectares de mata nativa, destinados ao lazer, à convivência e à prática de esportes. 
A maior atração do Santuário do Caraças, Santa Bárbara, Minas Gerais, é quando chega a noite e os lobos guará fazem uma visita aos padres, que os alimentam no adro da igreja (XaraAcervo MTur)
Centro Histórico de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Entorno da cidade de Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
CENTRO HISTÓRICO DE SANTA BÁRBARA, MG 
O município conta também com um centro histórico totalmente revitalizado com várias Igrejas de estilo barroco - destaque para a Matriz de Santo Antônio com pinturas do Mestre Ataíde, a Represa do Peti, áreas de preservação ambiental, reservas ecológicas e várias cachoeiras com paisagens inigualáveis. Outro programa imperdível é a visita ao Santuário do Caraça, o qual a porta de entrada está localizada no subdistrito de Sumidouro. 
Cachoeira na Serra do Caraça em Santa Bárbara, MG (Pousada Caminho da Serra)
Matriz de Santo Antônio em Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
Visão Geral da cidade de Santa Bárbara, MG (Prefeitura Municipal)
ONDE FICAR EM SANTA BÁRBARA, MG 
SANTUÁRIO DO CARAÇA 
Estrada do Caraça km 7, Santa Bárbara, CEP 35960-000, Brasil 
O Santuário do Caraça oferece acomodação em Santa Bárbara. A propriedade conta com bar no local. O Wi-Fi e um estacionamento privativo estão à sua disposição gratuitamente. 
A propriedade dispõe de recepção 24 horas.



HOTEL QUADRADO EM SANTA BÁRBARA, MG 
Os quartos possuem TV e banheiro privativo com bidê. O hotel oferece Wi-Fi gratuito e estacionamento privativo de cortesia. 
A acomodação apresenta recepção 24 horas. 



POUSADA CAMINHO DA SERRA EM SANTA BÁRBARA, MG
Localizada próxima ao Circuito do Ouro e Estrada Real na cidade de Santa Bárbara, reservas naturais, patrimônios históricos, parques ecológicos e turísticos, a Pousada Caminho da Serra está pertinho de inúmeras belezas da natureza que você não pode deixar de conhecer. Um passeio inesquecível que nos remete aos tempos da Colônia, do Império e dos primeiros anos de nossa República. Situada em Santa Bárbara, a pousada também fica próxima dos municípios de Barão de Cocais e Catas Altas.
Acomodações:
Nossa pousada possui 40 suítes, com opções de ar condicionado, frigobar, ventilador de teto, telefone e internet wireless para você ter uma confortável estadia ao visitar a região.

Código do Município - 3157203 
Gentílico - Santa-Barbarense 
Prefeito 2017 / LERIS FELISBERTO BRAGA 
População estimada [2016] - 30.436 pessoas 
População no último censo [2010] - 27.876 pessoas 
Densidade demográfica [2010] - 40,75 hab/km² 
O município tinha 27876 habitantes no último Censo. Isso coloca o município na posição 117 dentre 853 do mesmo estado. Em comparação com outros municípios do Brasil, fica na posição 1139 dentre 5570. 
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2014] - 2,4 salários mínimos 
Pessoal ocupado [2014] - 6.615 pessoas 
População ocupada [2014] - 22,1 % 
Área da unidade territorial [2015] - 684,06 km² 
Esgotamento sanitário adequado [2010] - 85,8 % 
Arborização de vias públicas [2010] - 38,4 % 
Urbanização de vias públicas [2010] - 17,2 % 
HISTÓRICO DA CIDADE DE SANTA BÁRBARA, MG 
Santa Bárbara 
Minas Gerais - MG 
Histórico 
Em 1702, o bandeirante Domingos Borges descobriu na fralda oriental do Caraça ricas minas auríferas que, mais tarde, foram denominadas Catas Altas, tal a profundeza das escavações feitas. Na mesma época, o desbravador Antônio Bueno explorou, na região, outras minas. Como estas não oferecessem a mesma abundância de ouro que as de Catas Altas, resolveu, o desbravador, descer mais, indo explorar as margens do ribeirão de Santa Bárbara, onde achou minas mais ricas que atraíram povoadores, e dando começo à formação do arraial. Isso lá pelo ano de 1707. 
Tão grande foi o desenvolvimento do lugar, alimentado pela inesgotável riqueza da terra, que logo foi elevado à Paróquia. No local onde esta hoje a Matriz de Santa Bárbara, existiu uma Capela com a data de 1713, o que vem confirmar que a localidade teve início nos primeiros anos do século XVIII. 
Pelo Alvará de 16 de fevereiro de 1724, o arraial foi elevado a distrito. O município, criou-o, com o território desmembrado de Mariana, a Lei Provincial número 134, de 16 de março de 1839. 
Em 1858, recebeu a vila de Santa Bárbara foros de cidade. 
Inicialmente o lugar era conhecido como Santo Antônio do Rio Abaixo. Posteriormente chamavam-no Santa Bárbara, nome do ribeirão que banha a cidade. 
Gentílico: santa-barbarense
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE SANTA BÁRBARA, MINAS GERAIS
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE SANTA BÁRBARA, MINAS GERAIS

VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE

Fonte dos textos e fotos: IBGE / Thymonthy Becker / Governo de Santa Bárbara, MG / Wikipédia / viagemeturismo.abril.com.br / Divulgação / Pousada Caminho da Serra / 


Comentários

  1. Essa cidade é maravilhosa .Encontrei uma paisagem com natureza linda e construções históricas!
    Vale a pena visitar .
    Excelente publicação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bacana mesmo a cidade. Valeu Menina. Abração

      Excluir

Postar um comentário

VALEU POR VIAJAR COM A GENTE

Páginas que receberam mais visitas

BAEPENDI, MINAS GERAIS - A terra de "Nhá Chica". Na natureza preservada no município estão cerca de 40% do parque ecológico do papagaio, é local ideal para fazer trilhas e acampar em paradisíacos lugares. Baependi é uma das poucas cidades que podem ser visitadas durante qualquer época do ano, sem se preocupar com a programação que irá encontrar pois, o verão é bem definido, sendo um convite para se deslumbrar com as mais de cinqüenta cachoeiras que cercam a cidade e o inverno pouco chuvoso propicia inúmeras opções para enfrentar trilhas e acampar em paradisíacos lugares

COLORADO, RIO GRANDE DO SUL - Colorado é uma pequena cidade do Alto Jacuí. Fundada por imigrantes italianos e alemães. O espetáculo, belezas naturais, cores, aromas que seduzem à primeira vista. O município tem como base da economia a produção agrícola. A região possui uma relação muito próxima com as águas e com a geração de energia elétrica, a partir da formação do maior lago artificial do Estado – os Alagados do Passo Real e da Barragem de Ernestina. Bonitas e agradáveis, as cidades proporcionam atrações diversificadas, eventos, muitas festas, gastronomia, artesanato.

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras, inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas que abrange também parte do Parque Nacional da Serra da Canastra. O Lago de Furnas, também conhecido como "O MAR DE MINAS", é quatro vezes maior que a Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro

BRASÍLIA, DF, BRASIL - Brasília é formada por gente de todos os lugares, todas as idades e de muitas gerações. É uma mistura de sotaques do Nordeste, Sudeste, Norte e Sul do país e até de estrangeiros. Por conta de seu rápido crescimento, já é a quarta cidade mais populosa do país. A maioria dos moradores, 52%, é mulher e tem em média 30 anos. Os primeiros habitantes que chegaram a Brasília vieram, principalmente, atraídos pelos empregos na construção civil e ajudaram na construção da capital. Eles eram chamados de candangos e aqui construíram e criaram famílias

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal da cidade com 62 metros de altura. A Gruta Pedra Santa localizada no distrito de Catuné, uma obra construída pela própria natureza. Ao longo do tempo a grande pedra foi desintegrando-se e formou-se um grande salão, onde ergueu-se a capela em Honra a Nossa Senhora de Lourdes. Praças diversas, museu municipal que funciona na antiga estação ferroviária, usina hidrelétrica de Tombos e os dois distritos “Catuné” e “Água Santa” valem uma visita à cidade de Tombos

IGATU, ANDARAÍ, BAHIA - Eh uma verdadeira cidade de pedra. "Sagrada" pra quem viveu lá durante o auge do ciclo do diamante. O trajeto até a vila já é uma atração: a estrada de acesso pela BA-142 é cheia de mirantes naturais. Ao chegar, a impressão é de ter voltado no tempo, quando igatu era chamada de Xique Xique e famosa pela extração de diamantes. Hoje não há farmácias, o hospital mais próximo fica em Andaraí, a 12 km. Em outros tempos quem diria? Cabarés, cassinos, lojas, cadeia, cartório, cinema...

RIO DE JANEIRO, BRASIL - Do primeiro ao último minuto do ano, não falta o que fazer, o que visitar e o que rever no Estado do Rio de Janeiro, que não por acaso ostenta o rótulo de Maravilhoso. Além das praias e de seus outros dois ícones geográficos – o Corcovado e o Pão de Açúcar – o Rio vem ganhando uma série de atrativos culturais e gastronômicos. Quem deixa a capital e percorre o litoral fluminense encontra praias de beleza raríssima. Ao norte, na Região dos Lagos, estão as dunas de Cabo Frio, as águas translúcidas e frias de Arraial do Cabo, boas para mergulho, a badalação de Búzios e as trilhas rurais de Rio das Ostras

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

GRAMADO, RIO GRANDE DO SUL - Faltava neve à Gramado para que ela assumisse de vez o título de “Suíça brasileira”. Não falta mais: o Snowland, primeiro parque de neve artificial indoor das Américas, trouxe esportes de inverno à cidade, que já era famosa pelas construções enxaimel (aquelas de paredes esquadrinhadas com tirantes de madeira), pelas fondues nos bons restaurantes suíços e pelo climinha gostoso da Serra Gaúcha.

CAMPO BELO, MINAS GERAIS - A primeira cidade do Brasil a ter um time de Rugby (Campo Belo Rugby - CBR) A cidade tem paisagens deslumbrantes com campos a perder de vista. Ideal para a prática de esportes de aventura, ecoturismo, esportes náuticos com várias cachoeiras, praias de água doce além da tradicional e boa comida mineira. Uma cidade tranquila, acolhedora com boas opções para hospedagem