Pular para o conteúdo principal

IPIAÇU, MINAS GERAIS - Um tesouro de belezas naturais e de paisagens inesquecíveis. Os eventos de destaque em Ipiaçu são: o Carnaval de rua, destacando-se pela tranqüilidade com que os foliões passam as cinco noites com muita alegria, as festas juninas patrocinadas pelas escolas municipais em três dias onde tem a tradicional dança de quadrilhas, leilões de francos, pernis, shows artísticos e muita animação, a festa da Padroeira da cidade “Nossa Senhora da Aparecida” é realizada em 12 de Outubro com grande concentração dos católicos do município. Realiza-se tradicionalmente o Torneio 1º de Maio com a participação de cidades vizinhas.




CONHEÇA A CIDADE DE "IPIAÇU", MINAS GERAIS, BRASIL - OLHANDO DA JANELA DO TREM
Foto - facebook.com/ipiacunossacidade
SEJA BEM VINDO A CIDADE DE IPIAÇU. NA FAZENDA DO PIVÔ
foto - ?
MATRIZ DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO APARECIDA, Ipiaçu, MG
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - ?
foto - Marcos M.
GINÁSIO MUNICIPAL
foto - Marcos M.
O CARRO DO BATENTE NA PORTA DA CERÂMICA
foto - Thymonthy Becker
NA CERÂMICA
foto - Thymonthy Becker
O MERCADO
foto - Thymonthy Becker
CONHEÇA UM POUCO MAIS DESTA AGRADÁVEL CIDADE DE IPIAÇU
foto - Thymonthy Becker
Foto - facebook.com/ipiacunossacidade
Foto - facebook.com/ipiacunossacidade
Foto - facebook.com/ipiacunossacidade
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
foto - Guilherme Sanders
foto - Guilherme Sanders
foto - Guilherme Sanders
foto - Guilherme Sanders
foto - Guilherme Sanders
A ESTAÇÃO RODOVIÁRIA FUNCIONA NA CASA DE PIZZA
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
EVENTOS
Os eventos de destaque em Ipiaçu são: o Carnaval de rua, destacando-se pela tranqüilidade com que os foliões passam as cinco noites com muita alegria e descontração não havendo durante todo esse tempo uma única ocorrência policial.
Destaca-se também as festas juninas patrocinadas pelas escolas municipais em três dias onde tem a tradicional dança de quadrilhas, leilões de francos, pernis, shows artísticos e muita animação.
A festa da Padroeira da cidade “Nossa Senhora da Aparecida” é realizada em 12 de Outubro com grande concentração dos católicos do município.
Realiza-se tradicionalmente o Torneio 1º de Maio com a participação de de cidades vizinhas..
Em 1º de Setembro comemora-se o aniversário da cidade.
foto -  Khytho
O CRISTO DE IPIAÇU
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker
População estimada 2016 (1) - 4.277
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 466,020
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 8,81
Código do Município 3131406
Gentílico - ipiaçuense
Prefeito 2017 / LEANDRO LUIZ DE OLIVEIRA
ORIGEM DO NOME
O substantivo próprio IPIAÇU tem sua origem etmológica na Gramática Tupi-Guarani e, segundo os melhores filólogos e historiadores da mesorregião do Triângulo Mineiro, semanticamente apresenta várias polissemias:
YPU + AÇU = "FONTE GRANDE", ou seja: "Olho d'Água":
YPIAHU = "RIO NOVO"
YBY + AÇU = "TERRA GRANDE", isto é: "cidade à Beira do Grande Rio".

Gentílico: ipiaçuense
HISTÓRICO
Em virtude da proximidade de IPIAÇU com os municípios de Ituiutaba, Santa Vitória e Cachoeira Dourada, também esse Município em tela teve, nos indígenas CAIAPÓS seus primitivos habitantes, na Região denominada "Fundão".
IPIAÇU, como diversas outras cidades interioranas brasileiras, é resultante histórica dos desbravamentos dos aventureiros Bandeirantes que, como sabemos, penetravam os sertões, de início para aprisionar índios e, após, contando em seguida com mão-de-obra escrava e a zero custos, sair à cata de minas de ouro, diamantes e outras preciosidades.
A localidade do antigo "Fundão" muito deve a tantos outros heróis anônimos, que, com determinação e destemor, partiram para o sacrifício de idéias, ideais e até mesmo da própria vida, de suma preciosidade, em proveito e consequência lógica de seu soerguimento e evolução atual, tendo no tal "Fundão", fixado moradias os primeiros posseiros, lutadores e bravos sertanistas, das envergaduras de um BENEDITO WALDEMAR DA SILVA, de um JOSÉ AUGUSTO DE MELO, de um ARISTIDES DE SOUZA, de um EURIDES UMBELINO FERREIRA (este empresário hoje em Ituiutaba) e outros mais.
O qualificativo gentílico de IPIAÇU é a palavra variável "IPIAÇUENSE".
Em 1935, veio para o "Fundão", o arrojado senhor BENEDITO WALDEMAR DA SILVA, destemido baiano de Caetité, cidade situada no Planalto Central, na vertente oriental da famosa Serra do Espinhaço, ao sudoeste do Estado que brindou o mundo com o nosso paredro insuperável "Águia de Haia", que nessas paragens comprou uma gleba de terras na Fazenda Fundão, então de propriedade do Sr. Aristides de Souza, começando, por conseguinte, a ocupação da "IBYAÇU" ("Terra Grande"), com a denominação de "Colônia dos Baianos".
Diz-nos o Historiador Dr. Edelweis Teixeira: "Situada à beira do Córrego do Fundão, a uns 12 Km do Rio Paranaíba, para o qual aflui, é de organização recente. Foi o professor de letras, o baiano BENEDITO WALDEMAR DA SILVA, aí residente há tempos, o seu iniciador doando o patrimônio em 1946. Proprietário do terreno, cuidou de formar a povoação. Sua capela dedicada a Nossa Senhora da Aparecida"
Posteriormente, com a evolução do povoado YPIAHU e preparo de suas férteis terras no VALE DO PARANAÍBA, notadamente com o incremento da agropecuária, surge um promissor distrito, depois transformado numa cidade generosa, a proporcionar sua cota de ajuda à pujança do Triângulo Mineiro, beneficiando Minas Gerais e contribuindo para com o Brasil.
IPIAÇU foi elevado a Distrito pelo Decreto-Lei Nº 1.039, de 12 de Dezembro de 1953 e a Município pela Lei Nº 2.764, de 30 de dezembro de 1962. Sempre teve por município de origem Ituiutaba. À 10 de Março de 1963, foi a data magna da solene instalação desse município.
Poder Judiciário: pertence à comarca de Capinópolis.
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE IPIAÇU, MINAS GERAIS 


VALEU PELA VISITA. SEMPRE VOLTE.





Fonte dos textos e fotos: IBGE / Thymonthy Becker / Portal do Governo de Ipiaçu / Wikipédia / facebook.com/ipiacunossacidade / 


Comentários

  1. Minas com seu mundão de cidades... Impossível saber de todas. Desta, somente agora ouvi falar. Que coisa! Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minas eh mesmo um Estado muito show de bola. Abração Amigo

      Excluir
  2. Ipiaçu .Nunca ouvi falar .
    Mas as fotos são lindas ,como toda MG
    Parabéns por mais uma excelente post

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando passei pela visita estava caindo um temporal que era impossível dirigir na rodovia naquele momento. Foi muito Show de Bola. Obrigado. Abraços

      Excluir

Postar um comentário

VALEU POR VIAJAR COM A GENTE

Páginas que receberam mais visitas

BAEPENDI, MINAS GERAIS - A terra de "Nhá Chica". Na natureza preservada no município estão cerca de 40% do parque ecológico do papagaio, é local ideal para fazer trilhas e acampar em paradisíacos lugares. Baependi é uma das poucas cidades que podem ser visitadas durante qualquer época do ano, sem se preocupar com a programação que irá encontrar pois, o verão é bem definido, sendo um convite para se deslumbrar com as mais de cinqüenta cachoeiras que cercam a cidade e o inverno pouco chuvoso propicia inúmeras opções para enfrentar trilhas e acampar em paradisíacos lugares

COLORADO, RIO GRANDE DO SUL - Colorado é uma pequena cidade do Alto Jacuí. Fundada por imigrantes italianos e alemães. O espetáculo, belezas naturais, cores, aromas que seduzem à primeira vista. O município tem como base da economia a produção agrícola. A região possui uma relação muito próxima com as águas e com a geração de energia elétrica, a partir da formação do maior lago artificial do Estado – os Alagados do Passo Real e da Barragem de Ernestina. Bonitas e agradáveis, as cidades proporcionam atrações diversificadas, eventos, muitas festas, gastronomia, artesanato.

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras, inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas que abrange também parte do Parque Nacional da Serra da Canastra. O Lago de Furnas, também conhecido como "O MAR DE MINAS", é quatro vezes maior que a Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro

BRASÍLIA, DF, BRASIL - Brasília é formada por gente de todos os lugares, todas as idades e de muitas gerações. É uma mistura de sotaques do Nordeste, Sudeste, Norte e Sul do país e até de estrangeiros. Por conta de seu rápido crescimento, já é a quarta cidade mais populosa do país. A maioria dos moradores, 52%, é mulher e tem em média 30 anos. Os primeiros habitantes que chegaram a Brasília vieram, principalmente, atraídos pelos empregos na construção civil e ajudaram na construção da capital. Eles eram chamados de candangos e aqui construíram e criaram famílias

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal da cidade com 62 metros de altura. A Gruta Pedra Santa localizada no distrito de Catuné, uma obra construída pela própria natureza. Ao longo do tempo a grande pedra foi desintegrando-se e formou-se um grande salão, onde ergueu-se a capela em Honra a Nossa Senhora de Lourdes. Praças diversas, museu municipal que funciona na antiga estação ferroviária, usina hidrelétrica de Tombos e os dois distritos “Catuné” e “Água Santa” valem uma visita à cidade de Tombos

IGATU, ANDARAÍ, BAHIA - Eh uma verdadeira cidade de pedra. "Sagrada" pra quem viveu lá durante o auge do ciclo do diamante. O trajeto até a vila já é uma atração: a estrada de acesso pela BA-142 é cheia de mirantes naturais. Ao chegar, a impressão é de ter voltado no tempo, quando igatu era chamada de Xique Xique e famosa pela extração de diamantes. Hoje não há farmácias, o hospital mais próximo fica em Andaraí, a 12 km. Em outros tempos quem diria? Cabarés, cassinos, lojas, cadeia, cartório, cinema...

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

RIO DE JANEIRO, BRASIL - Do primeiro ao último minuto do ano, não falta o que fazer, o que visitar e o que rever no Estado do Rio de Janeiro, que não por acaso ostenta o rótulo de Maravilhoso. Além das praias e de seus outros dois ícones geográficos – o Corcovado e o Pão de Açúcar – o Rio vem ganhando uma série de atrativos culturais e gastronômicos. Quem deixa a capital e percorre o litoral fluminense encontra praias de beleza raríssima. Ao norte, na Região dos Lagos, estão as dunas de Cabo Frio, as águas translúcidas e frias de Arraial do Cabo, boas para mergulho, a badalação de Búzios e as trilhas rurais de Rio das Ostras

GRAMADO, RIO GRANDE DO SUL - Faltava neve à Gramado para que ela assumisse de vez o título de “Suíça brasileira”. Não falta mais: o Snowland, primeiro parque de neve artificial indoor das Américas, trouxe esportes de inverno à cidade, que já era famosa pelas construções enxaimel (aquelas de paredes esquadrinhadas com tirantes de madeira), pelas fondues nos bons restaurantes suíços e pelo climinha gostoso da Serra Gaúcha.

CAMPO BELO, MINAS GERAIS - A primeira cidade do Brasil a ter um time de Rugby (Campo Belo Rugby - CBR) A cidade tem paisagens deslumbrantes com campos a perder de vista. Ideal para a prática de esportes de aventura, ecoturismo, esportes náuticos com várias cachoeiras, praias de água doce além da tradicional e boa comida mineira. Uma cidade tranquila, acolhedora com boas opções para hospedagem