quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

JOAÍMA, MINAS GERAIS - Uma cidade bonita, tranquila e apostando no futuro




CONHEÇA A CIDADE DE "JOAÍMA", MINAS GERAIS, BRASIL
BEM VINDO A CIDADE DE JOAÍMA / UMA CIDADE PARA TODOS
imagem do Facebook da cidade
População estimada 2016 (1) - 15.599
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 1.664,190
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 8,98
Código do Município 3136009
Gentílico - joaimense
Prefeito 2017 / DAURO BARRETO MELO FILHO
ORIGEM DO NOME
O topônimo é o de um chefe indígena, da tribo dos botocudos, o "tucháua" Joahima.
Gentílico: joaimense
HISTÓRICO
Os primitivos habitantes foram índios botocudos, chefiados pelo cacique Joahima. Com a colonização, vieram os portugueses, sob o primeiro comando do Alferes Julião Fernandes Leão. Em 1892, chegou ao pequeno povoado Cypriano de Souza, acompanhado de numerosa família, vindo de Santa Rita (depois Medina); esse novo morador deu incremento à vida do lugar, iniciando amplas plantações e construindo, sob a orientação do Padre Emereciano Alves de Oliveira, a primeira Capela, onde, a 6 de agosto de 1900, foi celebrada a primeira festa do Senhor do Bonfim, padroeiro do lugar. Por essa época, chegou ao povoado o gaúcho Manoel Luiz, chefiando cerca de duas centenas de brancos e índios, que se atiraram aos trabalhos da lavoura e se radicaram na foz do Ribeirão Anta Podre, consolidando de vez, o arraial.
Joaíma nasceu da vontade do governo português de ocupar e proteger as suas posses, no imenso vazio que era o Nordeste de Minas. No início do século passado, as cortes de Lisboa resolveram que era necessária uma vigilância maior naquela região da Província de Minas, pois as terras diamantíferas, a grande riqueza local, estavam sendo cobiçadas por aventureiros e caçadores de riqueza fáceis. O Alferes Julião Fernandes Leão se instalou à margem direita do Rio Jequitinhonha, em 1811, e, sua primeira tarefa foi levar a sua fé cristã às inúmeras tribos de índios que habitavam aquelas paragens. Com isso, a catequese dos gentios foi intensificada em toda a região. O comandante procurou agrupar as várias tribos espalhadas, tentando aldeá-las às margens do Rio Jequitinhonha e de seus afluentes.
O topônimo é o de um chefe indígena, da tribo dos botocudos, o "tucháua" Joahima. Entretanto, o primeiro nome foi "Quartel" ou "Quartel de Água Branca", nome do córrego às margens do qual foi instalado um Quartel da 7ª Divisão Militar de São Miguel. Com o crescimento da aldeia, foi necessário criar mais um Quartel e o lugar passou a denominar-se "Quartéis do Bonfim", em homenagem ao Padroeiro do local, Nosso Senhor do Bonfim. Através da Lei nº 556, de 30/08/1911, o povoado foi elevado à categoria de Distrito, do recém criado município de São Miguel de Jequitinhonha, com o nome de Bonfim de Joahima. Com a emancipação política, em 27/12/1948, através da Lei nº 336, o município recebeu o nome de Joaíma, em homenagem ao chefe indígena Joahima.
O gentílico do município de Joaíma é Joaimense.
O território do município de Joaíma, visto do alto, tem a forma de uma península, devido ao encontro do Rio São Miguel, Anta, Padre e Água Branca, nos seus extremos. Emancipado desde 1948, tem como principal recurso econômico a agropecuária, atividade diversificada, e que vem alcançando consideráveis avanços técnicos.
imagem de Getúlio Ferreira
CONHEÇA UM POUCO DESTA BELA CIDADE
imagem de Getulio Ferreira
RUA LÍDIO DE ARAUJO
imagem de Getulio Ferreira
TALHADÃO
imagem de Getúlio Ferreira
OUTRA PRAÇA
imagem de Celso
VISTA PARCIAL
imagem da PMJ
ZONA RURAL DA CIDADE
imagem de Odilon Guimarães
AS MONTANHAS NO ENTORNO DA CIDADE
imagem de Levindo Antunes
O MERCO CENTRAL
imagem de Gil IBGE
LADEIRA DO BANANAL
imagem de Getulio Ferreira
IGREJA MATRIZ DO SENHOR BOM JESUS DE JOAÍMA
imagem de Getulio Ferreira
UM DOS RIOS QUE CORTA A CIDADE
imagem de Getúlio Ferreira
PRAÇA DR. OLINTO MARTINS
imagem de Getúlio Ferreira
SEDE DO GOVERNO MUNICIPAL
imagem de Getúlio Ferreira
UMA DAS MUITAS CACHOEIRAS DA REGIÃO
imagem de Geraldo Ferraz
UM DOS BAIRROS DA CIDADE
imagem de Getúlio Ferreira
JOAÍMA ENCRAVADA NAS MONTANHAS DAS MINAS GERAIS
imagem de Getúlio Ferreira
IGREJA DO SENHOR DO BONFIM
imagem de Getúlio Ferreira
AQUI O CAMPO DE FUTEBOL
imagem de Getúlio Ferreira
ESTA EH UMA FABRICA DE RAÇÃO
imagem de Getúlio Ferreira
ESTAÇÃO RODOVIÁRIA
imagem de Getúlio Ferreira
UM DIA DE DESFILE NA CIDADE
imagem de MS Jairo Souza
ESTE EH O POSTO DE SAÚDE DO GOVERNO MUNICIPAL
imagem de Getúlio Ferreira
ESTA EH A CAMARA DE VEREADORES
imagem do Blog da cidade
VEJA A BELA CACHOEIRA
imagem de Geraldo Ferraz
ESTA EH A AVENIDA BRASÍLIA
imagem de Getúlio Ferreira
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE JOAÍMA, MINAS GERAIS 
ESTE EH O BRASÃO DA CIDADE DE JOAÍMA, MINAS GERAIS

A GENTE SE ENCONTRA QUALQUER DIA DESTES NUMA CIDADE MINEIRA.
HINO DA CIDADE DE JOAÍMA, MG
Letra: Myrian Nilsen Pereira Peixoto
Música: M.S.C. José Tarcísio

Joaíma, tua história assim começa, Uma grande aliança aqui se faz. Nas entranhas do Baixo Jequitinhonha, Joaíma, terra das Minas Gerais.
Lindos campos, belos montes, cascatas, Grandes feitos e grandes nomes também. Joaíma, és o nome de glória Do cacique que criou a tua história.
Joaíma querida, Lutarei se preciso for, És orgulho de teus filhos Princesa consagrada com amor.
Te amo Joaíma, Que o Bom Jesus abençoou! Teu céu azul cor do mar, Beleza sem par, Joaíma de raro esplendor.
Direitos reservados ao autor

Fonte / Fotos = Thymonthy Becker / IBGE / Portal do Governo de Joaíma / Wikipédia /


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os lugares por onde o Trem mais passou esta semana