Pular para o conteúdo principal

SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, IPIALES, COLÔMBIA - Construída à beira de um penhasco, atravessando o bonito cânion do rio Guáitara, o santuário de Las Lajas mais parece um castelo da Disney




CONHEÇA O "SANTUÁRIO DE LAS LAJAS", IPIALES, COLÔMBIA

Construída à beira de um penhasco, atravessando o bonito cânion do rio Guáitara, está o santuário de Las Lajas, uma igreja que mais parece um castelo da Disney! 
O atual Santuário de Las Lajas foi construído no início do século XX (de 1916 a 1949), ao estilo neo-gótico, para substituir a antiga capela que datava do século XVIII. A imponência é tanta que algumas pessoas dizem que a sua construção teve uma mãozinha do capeta. 
Este santuário foi construído em devoção à Virgem de Las Lajas. Segundo a lenda, uma indígena chamada Maria voltava com sua filha pequena para a casa, quando foram surpreendidas por uma tempestade. Ao buscar abrigo na região, acabaram se deparando com uma pintura da Virgem do Rosário. Neste momento, a criança, até então considerada surto-muda, teria dito: “Mamãe, a mestiça me chama” (se referindo à santa). 
Hoje, muitos devotos realizam sua peregrinação ao santuário, principalmente entre 15 e 16 de setembro. 

COMO CHEGAR AO SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA
O Santuário de Las Lajas está a uns 8km de Ipiales, no extremo sul da Colômbia. Para chegar até lá é possível ir caminhando desde Ipiales (quase 2 horas por trecho) ou pegar um táxi coletivo. 
O táxi nos custou 2200 pesos para ir e 2000 para voltar (acho que a tarifa oficial é 2000; os 200 a mais que pagamos deve ter sido uma “taxa para gringos”). 
Os táxis partem da rua Carrera 6, duas quadras atrás da catedral, e saem quando enchem (espere aguardar até uns 30 minutos para que encha). Também há táxis que partem do terminal. 
Para voltar, espere no estacionamento até chegar um táxi, ou suba até a estrada e acene para as caminhonetes que vêm de Potosi (um povoado mais adiante). Elas costumam transportar as pessoas pelo mesmo valor. 
Também há um teleférico que liga a igreja à metade da estrada, e custa 10 mil o trecho (16 mil nos sábados e domingos). 


QUANTO CUSTA PARA VISITAR O SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA?
Não se cobra nada para entrar no santuário. 
O QUE FAZER? 
A partir do estacionamento onde o táxi te deixa há que fazer uma caminhada de uns 15 minutos, ladeira abaixo, até a igreja. No caminho há várias lojinhas que vendem lembrancinhas (uma que nos chamou a atenção era um “saquinho surpresa”: vinha fechado e a lembrança viria na sorte; custava 500 pesos). 
Seguindo este caminho você chegará atrás da igreja. A partir daí poderá contorná-la e entrar pela frente, ou cruzar a ponte. Há também um museu no lugar e umas catacumbas, mas o acesso estava fechado no dia que fomos lá. 
Dentro da igreja, uma coisa que chama a atenção é que a parede atrás do altar é a própria pedra do penhasco. 
A partir da igreja, é possível fazer umas pequenas caminhadas a alguns miradores, de onde se pode ter boas vistas de toda esta beleza arquitetônica. 
Um tempo razoável para conhecer todo o complexo, incluindo o transporte, é de 2 horas. Se tiver tempo, vale a pena esperar escurecer para ver a bela iluminação noturna da igreja. 
Procure voltar antes das 20h, pois o transporte depois deste horário é bem escasso.
Placas com agradecimentos



CIDADE DE IPIALES, COLÔMBIA
Ipiales é a principal porta de entrada (ou de saída) para quem vai cruzar de/para o Equador. A cidade não tem grandes atrações, mas oferece uma boa rede de hotéis e restaurantes, caso precise passar uma noite aqui. 
Procure hospedagem entre as praças 20 de Julio e a Ipiales. Nós ficamos em um hotel chamado hotel Colonial, que nos cobrou 35000 por um quarto matrimonial com banheiro privado. Provavelmente encontre algo mais barato se pesquisar melhor. 
É possível encontrar almoços e jantares a partir de 6 mil pesos por pessoa. 
O terminal de ônibus está a uns 15 minutos de caminhada a partir do centro, morro abaixo. 


Teto do Santuário de Las Lajas, Colômbia
CHEGANDO E SAINDO PARA O SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA
Uma van do terminal de Ipiales para a fronteira custa 2 mil por pessoa. Um ônibus de Ipiales para Popayán se consegue por 30 mil (9 horas de viagem). Até Cali, dá pra conseguir por 35 mil. 
Recomenda-se não viajar este trecho pela noite por questões de segurança. Nós descobrimos isso somente depois que compramos a passagem. Enfim, arriscamos e foi tudo em ordem (os ônibus seguem em comboio, e em algumas partes há escoltas do exército). 

TURISMO NO SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA
O Santuário de Las Lajas é um dos pontos turísticos mais famosos da Colômbia e da América Latina. O Santuário está situado na região de Nariño em Ipiales quase fronteira com o Equador em uma bela região junto ao cânion do Rio Guaitara, o Santuário de Las Lajas é um impressionante lugar para se visitar no país. Localizado a uma altura de 50 metros, o Santuário de Las Lajas foi construído no início do século XX e hoje recebe milhares de visitantes todos os anos. 
O Santuário recebeu o título do Vaticano de Basílica e em seu interior está a imagem de Nossa Senhora do Rosário feita de pedra e que, de acordo com a história foi encontrada no século XVIII por uma índia que se abrigava em uma caverna da região quando fugia. A construção é, simplesmente magnífica - seu estilo remete ao gótico e é rico em detalhes. O mais impressionante, é o cenário ao seu redor de direito a uma gigantesca cachoeira. Os visitantes podem entrar no santuário e ainda conhecê-la por baixo. Não esqueça de levar a câmera fotográfica, pois o lugar é maravilhoso. 

Anualmente no dia 16 de setembro, milhares de devotos a Virgem, se reúnem no Santuário de Las Lajas para rezar - então, para quem estiver fazendo apenas turismo, esta data não é aconselhável para ir ao santuário. Para chegar até o santuário de Las Lajas a maneira mais rápida e fácil é de táxi na cidade de Ipiales. 
O santuário de Las Lajas, a igreja de estilo gótico conhecida como ‘Um milagre de Deus no abismo’, é uma joia da engenharia construída sobre o cânion do rio Guáitara, perto de Ipiales, no lugar onde, segundo a lenda, a indígena Maria Mueses e sua filha Rosa viram a imagem da virgem em 1754. Esta igreja é muito visitada por peregrinos do mundo todo, especialmente nos domingos.
Escadarias do Santuário de Las lajas, Colômbia 

A ARQUITETURA DO SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA 
O atual edifício, o quarto desde o século XVIII, substituiu uma capela do século XIX e é uma igreja de pedra cinza, branca de estilo gótico do final do século XIV, composta por três naves construídas em uma ponte de dois arcos que se cruzam sobre o rio e faz com que o átrio da basílica se una com o outro lado do cânion. 
A altura do templo, de sua base até a torre é de 100 metros, já a ponte tem de 50 metros de altura por 17 metros de largura e 20 metros de comprimento. 
O edifício principal mede 27,50 m de comprimento por 15 m de largura. No interior, as três naves são cobertas por abóbadas. Tem mosaicos em fibra de vidro feitos pelo italiano Walter Wolf que, durante o dia, filtram a iluminação natural. 
O fundo das três naves é uma parede de pedra natural da garganta do Canion e na nave central se vê em destaque a imagem da Virgem do Rosário, pintada por um autor desconhecido em uma laje de pedra. 
A base do templo propriamente dita, além dos dois arcos da ponte, é uma cripta em estilo romântico, de três naves cobertas com abóbadas do canion de estrutura em pedra de cantaria, dedicada ao Sagrado Coração de Jesus. 
Na parte exterior se destacam três torres que terminam em agulhas decoradas com touceiras e folhagens. 
Os muros que cercam os acessos ao santuário se confundem com a topografia do terreno e estão cheios de oferendas votivas e placas com gratidão por favores recebidos, bem como com aparelhos ortopédicos para testemunhar curas. 
Placas com agradecimentos no Santuário de Las lajas, Colômbia
A HISTÓRIA DO SANTUÁRIO DE LAS LAJAS, COLÔMBIA 
O franciscano frei Juan de Santa Gertrudis, na sua crônica de viagem entre 1756 - 1762 ao sul do Reino de Nova Granada, publicado em quatro volumes sob o título "Maravilhas da natureza", menciona o santuário no Livro III, sendo possivelmente a referência mais antiga de sua existência. 
Posteriormente, Monsenhor Justino Mejia y Mejia, capelão do santuário entre 1944 a 1977, e historiador, em seus escritos se refere a uma história atualmente aceita, conta que por volta de 1754 a imagem da Virgem do Rosário foi descoberta por uma indígena chamada Maria Mueses com Rosa, sua filha, quando se dirigiam a sua casa; ao verem-se surpreendidas por uma tormenta, Maria e sua filha buscaram refugio na beira da estrada entre as cavidades formadas pelas pedras planas e imensas lajes naturais que caracterizam essa zona do canion do rio. Para surpresa da mãe, a criança que ate aquele momento era considerada surda-muda chama sua atenção falando: "Mamãe, a mestiça me chama..." mostrando a pintura certamente iluminada de forma sugestiva pelos relâmpagos. 
Depois de que as autoridades e os habitantes da região comprovaram a verdade dos fatos, que foram classificados como prodígio pelas autoridades eclesiásticas em 15 de setembro de 1754, o lugar foi convertido numa referência para toda a comarca incluindo o norte do Equador e se começou a edificar o santuário.

VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE



Fonte / Fotos = dicasdasamericas.com.br / Wikipédia / Thymonthy Becker / colombia.travel / mundosemfim.com / thousandwonders.net / latam.discovery.com / 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SÃO PETERSBURGO, RÚSSIA - O elegante desenho urbano estabelecido sobre uma extensa rede de canais e ilhotas é repleto de edifícios barrocos, palácios extravagantes e igrejas luxuosas. Os óbvios destaques são o Museu Hermitage, um dos melhores do planeta em arte ocidental, o Palácio de Catarina e a Catedral de Pedro e Paulo, mas boa parte da diversão está em caminhar por suas agradáveis ruas e canais.

CONHEÇA A CIDADE DE "SÃO PETERSBURGO", RÚSSIA - CIDADE SEDE DA COPA DO MUNDO 2018 DE FUTEBOL DA LIGA FIFA Palácio Mariinsky, sede da Assembleia Legislativa e Petersburgo, Rússia Fortaleza de São Pedro e São Paulo em São Petersburgo, Rússia Estação Chornaya Rechka em São Petersburgo, Rússia Quando ainda não era conhecido como O Grande, o jovem príncipe Pedro passava boa parte de seu tempo entre homens do povo, absorvendo ideias que vinham de terras distantes e despendendo tempo construindo barcos e criando estratégias militares com seus exércitos de brinquedo. Quando ele se tornou o czar de todas as Rússias, hábil general e o homem que tirou o país da era medieval, resolveu construir uma nova capital, moderna e com refinados ares europeus, num grande pântano no Báltico. Nascia São Petersburgo. Renomeada Petrogrado e posteriormente Leningrado, quando a perestroika de Mikhail Gorbachev acelerou a queda do comunismo o nome original retornaria aos mapas.  O Palácio de Catarina, co…

CONHEÇA A MAIOR RODA GIGANTE DO MUNDO, EM DUBAI - Com 201 metros de altura, terá capacidade para 1.400 passageiros em 48 cápsulas. Toda terá 9 mil toneladas de aço, o que é mais do que a Torre Eiffel e pesará mais do que o equivalente a oito Airbus A380s.

CONHEÇA A "MAIOR RODA GIGANTE DO MUNDO", DUBAI, EMIRADOS ÁRABES UNIDOS A maior roda gigante do mundo está sendo construída em Dubai, a Ain Dubai ('Ayn' é a decima sexta letra do alfabeto árabe, e é traduzida como 'olho'). O olho de Dubai com 201 metros irá superar os 165 metros do Singapore Flyer, atualmente a mais alta roda-gigante do mundo.  Com vistas panorâmicas sobre a costa de Dubai, incluindo o Burj Al Arab, a Palm Jumeirah e o Burj Khalifa, o projeto incluirá áreas de entretenimento, com uma variedade de lojas e restaurantes, um hotel de luxo cinco estrelas e edifícios residenciais privados.  A roda gigante faz parte do projeto Bluewaters Island e os responsáveis pelo seu desenvolvimento esperam atrair mais de 3 milhões de visitantes por ano.  O complexo de 1 bilhão será construído perto Jumeirah Beach Residence, ligado à beira mar por uma ponte de pedestres e ao continente por uma ponte de Sheikh Zayed Road, com um sistema de teleférico para o transp…

BELO HORIZONTE, MINAS GERAIS - Inspirada nas cidades de Paris e Washington, com largas avenidas, ruas simétricas e arborizadas, Belo Horizonte foi planejada a partir de uma nova concepção estética urbana

CONHEÇA A CIDADE DE "BELO HORIZONTE", CAPITAL DAS MINAS GERAIS, BRASIL
MINEIRÃO E MINEIRINHO NA PAMPULHA EM BELO HORIZONTE, MG SEJA BEM VINDO A CAPITAL DA MINAS GERAIS. SEJA BEM VINDO A BELO HORIZONTE. A CIDADE JARDIM imagem - Paulo Yuji Takarada ROTEIRO IDEAL PARA UM FIM DE SEMANA EM BELO HORIZONTE, MG Belo Horizonte é uma cidade que mistura modernidade com ares de interior. Localizada entre montanhas, rodeada por cachoeiras e cidades históricas, a capital de Minas Gerais conta com um valioso patrimônio arquitetônico que mistura construções clássicas e as linhas curvilíneas de Oscar Niemeyer. Suas praças dividem o espaço com ótimos museus, como o Memorial Minas Gerais – Vale, que mal se instalou na Praça da Liberdade e já recebeu o prêmio de Novidade do Ano no GUIA QUATRO RODAS Brasil. Projetada por Niemeyer, a Casa do Baile faz parte do Complexo Arquitetônico da Pampulha, em Belo Horizonte, Minas Gerais (Acervo Setur-MG) A gastronomia não fica de fora. Tem pra todos os gostos…

CAMPO GRANDE, MATO GROSSO DO SUL - Com ruas largas e arborizadas, não perdeu o jeito de cidade do interior. Ela é porta de entrada para o Pantanal Sul, a Serra da Bodoquena e o Parque Nacional das Emas (em Goiás)

CONHEÇA A CIDADE DE "CAMPO GRANDE", MATO GROSSO DO SUL, BRASIL Vista parcial da cidade de Campo Grande, MS (Wikipédia) Com ruas largas e arborizadas, não perdeu o jeito de cidade do interior. Ela é porta de entrada para o Pantanal Sul, a Serra da Bodoquena e o Parque Nacional das Emas (em Goiás). A temática pantaneira está presente nas pinturas que decoram alguns prédios e na gastronomia. Imigrantes paraguaios, bolivianos e japoneses também deixaram sua marca. O fuso horário marca uma hora a menos em relação a Brasília.  Polo de turismo de negócios, campo Grande surpreende por ser planejada, com trânsito organizado, muitas áreas verdes e vida social agitada (Tiago Moser) TREM DO PANTANAL Apesar do nome, o passeio entre Campo Grande (saídas aos sábados às 8h) e Miranda (chegada às 18h) não chega a explorar as paisagens típicas do Pantanal. A parada em Aquidauana está reservada para o almoço e, em Taunay e Piraputanga, há venda de artesanato. O trecho de volta, entre Miranda e C…

CURITIBA, PARANÁ - Verde, limpa, organizada. Esta é a impressão geral de Curitiba se comparada à maioria das outras capitais do Brasil. É verdade que nos últimos tempos ela deixou de ser uma “cidade-modelo”, mas mesmo assim surpreende pela beleza e conservação de seus parques, museus, construções históricas e outros pontos turísticos

CONHEÇA A CIDADE DE "CURITIBA", PARANÁ, BRASIL Seu povo, um admirável cadinho que reuniu estrangeiros de todas as partes do mundo e brasileiros de todos os recantos, ensina no dia-a-dia a arte do encontro e da convivência. Curitiba renasce a cada dia com a esperança e o trabalho nas veias, como nas alvoradas de seus pioneiros.  Cadeia de Montanhas da Serra do Mar vista do centro de Curitiba (Wikipédia) ROTEIRO PARA 48 HORAS EM CURITIBA COM MUSEUS, PARQUES E RESTAURANTES Verde, limpa, organizada. Esta é a impressão geral de Curitiba (PR), se comparada à maioria das outras capitais do Brasil.  É verdade que nos últimos tempos ela deixou de ser uma “cidade-modelo”, mas mesmo assim surpreende pela beleza e conservação de seus parques, museus, construções históricas e outros pontos turísticos.  Iluminação cênica do Paço da Liberdade em Curitiba, PR (Orlando Kissner/SMCS) No charme das construções e na gastronomia, o visitante sente a forte influência cultural da imigração europeia –…

JAÍBA, MINAS GERAIS - Reconhecida por seu projeto de irrigação, Jaíba tem um grande e ainda pouco explorado potencial de energia solar. É a região do estado onde se encontram os mais altos níveis de radiação solar

CONHEÇA A CIDADE DE "JAÍBA", MINAS GERAIS, BRASIL Reconhecida por seu projeto de irrigação, Jaíba localiza-se no norte do Estado de Minas Gerais, a 629 km da capital Belo Horizonte e a 207 km de Montes Claros, maior cidade da região. Jaíba está numa região de clima quente, relevo predominantemente plano e um grande e ainda pouco explorado seu potencial energia solar.  A região de Jaíba possui destaque em termos de seu potencial de energia solar. É a região do estado onde se encontram os mais altos níveis de radiação solar, segundo o Atlas Solarimétrico de Minas Gerais (2012). É, ainda, uma das melhores regiões do país neste quesito. (Jaíba Solar)   Sada Bioenergética em Jaíba, MG (Igreja Assembléia de Deus) Rua central de Jaíba, MG (Prefeitura Municipal) Ribeirão em Jaíba, MG (Prefeitura Municipal) Estação de Bombeamento do projeto Jaíba em Jaíba, MG (prefeitura Municipal) Hospital 2 irmãos na cidade de Jaíba, MG (Eric Micael) Entorno da cidade de Jaíba, MG (Prefeitura Munici…

ALASKA, ESTADOS UNIDOS DE AMÉRICA - O Alasca é terra de superlativos. O maior estado americano abriga o maior pico, o maior parque nacional e a maior floresta dos Estados Unidos. Lá, há glaciares mais extensos do que países inteiros, baleias-jubarte de até 15 metros, ursos de quase 500 quilos. Geleiras, lagoas, vulcões, montanhas e florestas

CONHEÇA O "ALASKA", USA,  E SAIBA O QUE TEM DE BOM SE PARA FAZER LÁ Conheça nosso roteiro para conhecer umas das regiões mais quentes no roteiro turismo americano - mesmo com as baixas temperaturas O Alasca é terra de superlativos. O maior estado americano abriga o maior pico, o maior parque nacional e a maior floresta dos Estados Unidos. Lá, há glaciares mais extensos do que países inteiros, baleias-jubarte de até 15 metros, ursos de quase 500 quilos. Geleiras, lagoas, vulcões, montanhas, florestas: ao mesmo tempo que sua paisagem natural é uma das mais remotas e selvagens do planeta, ela é facilmente alcançada por voos abundantes, cruzeiros confortáveis com múltiplos roteiros que transitam pela costa (maior do que a do resto dos EUA inteiro somada) e a Alaska Highway, uma rodovia ampla e moderna que percorre mais de 2 mil quilômetros. E não, não é tão gelado quando a gente imagina: no verão, o termômetro pode bater até 30 graus.  COMO CHEGAR NO ALASKA Com a American Airline…

FAROL DE ALEXANDRIA, ALEXANDRIA, EGITO - Uma das 7 maravilhas do mundo eh uma obra colossal

CONHEÇA O "FAROL DE ALEXANDRIA", ALEXANDRIA, EGITO A cidade de Alexandria foi fundada por Alexandre, o Grande, e tem muito mais a oferecer além de sua história e curiosidades. Localizada na costa mediterrânica do Egito, é conhecida mundialmente pelos seus pontos turísticos, como a Biblioteca de Alexandria, o Farol de Alexandria (uma das sete maravilhas do mundo antigo) e as Catacumbas de Kom el Shoqafaw (uma das sete maravilhas do mundo medieval). Outras atrações envolvem visitas à museus, jardins, mesquitas e ruínas antigas que contam a história de seu passado. O Farol de Alexandria é uma das sete maravilhas do mundo antigo. Foi construído para servir de referencial para os navegantes, na Ilha de Faros. Para servir de entrada no porto e informar os navegantes da proximidade de terras, Ptolomeu mandou construir o Farol de Alexandria. Este tinha lugar na Ilha de Faros e, por causa do nome da ilha, todas as construções até hoje, com o mesmo objetivo, são chamadas de farol. O e…

SILVEIRÂNIA, MINAS GERAIS - Vista do alto da Serra dos Caramonas, Silveirânia oferece um aspecto deveras pitoresco e deslumbrante, impressionando-nos como se fosse um bando branco de pombas, pousado sobre tapete verdejante da relva, tal a disposição simétrica do casario que margina o lado esquerdo do ribeirão S. Manuel.

CONHEÇA A CIDADE DE "SILVEIRÂNIA", MINAS GERAIS, BRASIL Conheça a história do pico mais alto da região, que faz parte da derivação da Serra da Mantiqueira e se destaca como acidente natural, contribuindo para composição de embelezamento de uma região que já é linda por natureza...  Vista do alto da Serra dos Caramonas, Silveirânia oferece um aspecto deveras pitoresco e deslumbrante, impressionando-nos como se fosse um bando branco de pombas, pousado sobre tapete verdejante da relva, tal a disposição simétrica do casario que margina o lado esquerdo do ribeirão S. Manuel.  Rodovia de acesso à cidade de Silveirânia, MG (Antrbns) Pico do João Felix em Silveirânia, MG (Roberto Mosqueiro) Silveirânia, MG  encravada nas Montanhas de Minas (Prefeitura Municipal) Entorno da cidade de Silveirânia, MG (Prefeitura Municipal) Campo de Futebol e Silveirânia, MG (Antrbns) Casa paroquial da cidade de Silveirânia, MG (Jeani Goulart) Escola Estadual da cidade de Silveirânia, MG (Antrbns) Entor…

TOCANTINS, MINAS GERAIS - Entre as montanhas de Minas uma cidade hospitaleira, tranquila e que comemora anualmente a festa do Tocantinense ausente

CONHEÇA A CIDADE DE "TOCANTINS", MINAS GERAIS, BRASIL Foto - PMT BEM VINDO A CIDADE DE TOCANTINS. A MELHOR CIDADE DO MUNDO ( LEMA MUNICIPAL ) foto - Thymonthy Becker População estimada 2016 (1) - 16.703 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 173,866 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 91,01 Código do Município 3169000 Gentílico - tocantinense Prefeito 2017 / IEDER WASHINGTON DE OLIVEIRA ORIGEM DO NOME DA CIDADE DE TOCANTINS, MG A origem do topônimo deve-se a presença dos índios chamados “Tocantins”, primitivos habitantes da região. O gentílico é “Tocantinense”.
Gentílico: tocantinense HISTÓRICO DA CIDADE DE TOCANTINS, MG Consta que, na margem do rio que corta a região, habitava uma tribo de índios chamados Tocantins. E a história de tocantins relaciona-se com a de São Manoel do Pomba atual Rio Pomba, a que pertenceu em tempos idos. O primeiro núcleo originou-se mais ou menos em 1812, quando da doação do patrimônio da cidade, feita pelo capitão José Antônio Machado…