domingo, 15 de janeiro de 2017

NEW YORK, TIME SQUARE, NEW YORK, USA - Nesta cidade mágica, o encontrão com a mulher foi só um número a mais




MINHA VIAGEM PARA "NEW YORK", NEW YORK, USA
New York eh uma cidade onde já estive inúmeras vezes. Para nós, New York era com se fosse o quintal de nossa casa. Claro que os New Yorkers não gostavam de jeito nenhum de dizermos isso. Para eles era justamente o contrário. Mas New York tem uma magia que não se encontra em nenhum outro lugar do planeta. E não adianta tentar explicar esta magia, porque ainda não foram criadas palavras para descrevê-la.
Quando visitamos Cachoeiras, Canyons, Cataratas, Desertos, Floresta, Pantanais e Montanhas, presenciamos a força e o espetáculo da natureza. Mas quando visitamos New York, presenciamos a força e a capacidade do Homem que pode ser comparado com a força da natureza.
De várias viagens que fiz à New York, uma foi especial. Especial porque esta viagem foi para conferir se New York ficava mesmo acordada 24 hs como se ouve dizer. Nosso objetivo era passar a noite inteira circulando e conferindo se a cidade fica mesmo acordada e movimentada durante toda a noite. E assim quando o relógio marcou 06:00 PM já estávamos na Time Square para nossa aventura noturna. A Time Square que muitos a chama de "Encruzilhada do mundo" "Coração do Planeta" faz por merecer. Realmente, a primeira vista e neste horário, eh como um formigueiro em debandada de seu ninho. Já tinha estado ali outras vezes, mas nunca para observar tudo e todos. Eh diferente quando seu objetivo eh ver a cidade que você tanto olha sem nunca vê-la. Diferente também eh estar ali a noite. De dia eh muito legal, mas a noite eh muito mágico estar ali. Movimento intenso de pessoas, carros, os famosos táxi amarelos, imagens de letreiros e lojas que você com certeza já viu em algum dos incontáveis filmes feitos nesta parte mágica de New York. Só estando ali para sentir esta magia toda.

A noite em New York eh realmente algo surpreendente. Nunca tinha visto algo assim em nenhuma outra cidade ou capital. Um show quase inexplicável. Show de opções para sua escolha, show de luzes nos incontáveis outdoor gigantes, que aliás, toda empresa eh obrigada a colocar o seu outdoor gigante e os prédios tem que ter letreiros iluminados, que faz Paris, que tradicionalmente eh conhecida como a cidade luz, parecer apenas uma cidade iluminada. Eh tão legal, tão intenso, tão apaixonante que tenho que me render a esta cidade simplesmente espetacular. Estar em New York, qualquer um pode estar, mas viver New York  eh uma experiência que a gente leva pra toda a vida.

Conforme combinamos, formos fazer de tudo que fosse possível e ver se a cidade ficava mesmo acordada. Acordada eh pouco. New York fica super agitada dias e noites sem fim. Também, só para você ter uma ideia, na Time Square acontece o maior tráfego de pessoas do mundo. Segundo a Prefeitura são mais de 400 mil pessoas que passam na Time Square a cada 24 hs. Isso eh quase inacreditável, mas estando ali você percebe que eh totalmente crível. Posso dizer que vi de tudo e mais um pouco, fizemos de tudo e mais um pouco, divertimos tudo que podíamos e mais um pouco e não tivemos tempo nem de sentir sono. Se você estiver vivendo a noite de New York, você não terá tempo para sentir sono.

Um fato interessante que aconteceu comigo neste nosso desafio noturno em New York e que não podia deixar de registrar aqui, afinal, sempre acontece alguma coisa e na maioria das vezes, comigo, foi quando estávamos na esquina da 7 av com a 37 st.
Estava com minha câmara fotográfica registrando a vida noturna de New York, buscando registrar o maior número de cenas naturais das pessoas e coisas. Assim, parado nesta esquina, registrando cenas dos altos edifícios, quando uma mulher vindo andando de costas, meio agachada e chamando seu cachorrinho, encostou em mim que estava olhando pela câmara para o alto edifício.
Quando ela bateu em mim, olhei rapidamente para ver o que estava acontecendo. Ela virou rapidamente e já perguntando o que eu pensava que estava fazendo. Disse que estava tirando fotos e não a tinha visto.
Na visão dela, eu fiquei na frente dela de propósito para aproveitar da situação. O que não foi verdade. Então, depois deste encontrão com ela de costas e eu de frente, ela me deu um tapa no rosto e com muito força, me chamando de aproveitador e sem vergonha. O tapa foi tão forte que eu rodopiei e quase deixei a câmara fotográfica cair. Meus amigos chegaram rapidamente dizendo que ela que esbarrou em mim e que eu estava olhando para cima. Mas ela não quis acreditar, ficou dizendo que eu era sem vergonha, pegou seu cachorrinho e foi embora me chamando de aproveitador.
Fiquei com o rosto doendo por um bom tempo e meus amigos tirando onda, dizendo que eu tinha gostado do encontrão com a mulher e que o tapa tinha valido a pena.
Tapas nunca valem a pena, ainda mais este que doeu muito. Acabou que eu nem consegui reparar na mulher direito. Só sei que ela saiu furiosa comigo.

Depois de curtir tudo que foi possível dentro daquela noite, inclusive tomar um tapa no rosto desta mulher, nesta cidade que eh muito show de bola, as 06:00 AM nós estávamos na Time Square, no mesmo local onde começou nossa aventura.
Combinamos de fazer este tour noturno em outra cidade que também se diz que não dorme.
Tóquio, Hong Kong, Paris ou São paulo seriam nossas primeiras opções. Ficamos de combinar qual delas em nossa próxima viagem, porque por enquanto, o foco era dar a volta ao mundo conhecendo ao menos uma cidade de cada país.
Valeu gente por estar aqui conosco. Espero que vocês possam um dia vir conhecer New York, uma cidade simplesmente espetacular. Até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os lugares por onde o Trem mais passou esta semana