Pular para o conteúdo principal

SÃO JOÃO DEL REI, MINAS GERAIS - Entre as cidades históricas mineiras, São João del Rei é uma das que mais se desenvolveu economicamente, com trânsito e comércio movimentado. Mas ainda conserva bela parte do seu patrimônio, como a igreja de São Francisco de Assis e a Catedral Nossa Senhora do Pilar. O moderno Memorial Tancredo Neves tem recursos digitais que contam a história do ex-presidente e de Minas Gerais.




CONHEÇA A CIDADE DE "SÃO JOÃO DEL REI", MINAS GERAIS, BRASIL
Entre as cidades históricas mineiras, São João del Rei é uma das que mais se desenvolveu economicamente, com trânsito e comércio movimentado.
Mas ainda conserva bela parte do seu patrimônio, como a igreja de São Francisco de Assis e a Catedral Nossa Senhora do Pilar. O moderno Memorial Tancredo Neves tem recursos digitais que contam a história do ex-presidente e de Minas Gerais.
COMO CHEGAR

Saia de Belo Horizonte pela BR-040. Após Congonhas, vire à direita na BR-383 e siga para São João Del Rei. Para quem for viajar de ônibus, a Viação Sandra
SUGESTÕES DE ROTEIROS
2 dias – Aproveite o primeiro dia para caminhar pelas estreitas ruas do Centro Histórico, entrando e saindo de igrejas e museus. No dia seguinte, a pedida é embarcar em um passeio de maria-fumaça em direção a vizinha Tiradentes. Enquanto aguarda o regresso, dá tempo de admirar as charmosas construções coloniais da pequena cidade.
4 dias – Se tiver dois dias a mais, pode conhecer cidades próximas a São João del Rei, com o intuito de fazer compras. Todas os municípios são acessados pela BR-363. A 17 km, Coronel Xavier Chaves tem tradição na confecção de rendas. Enormes esculturas de madeira colocaram Prados, distante 29 km, no cenário turístico mineiro. Mais distante, Resende Costa, a 37 km, tem várias lojas de tear.

COMIDA TÍPICA MINEIRA

Cada receita aqui tem sabor de história: algumas remontam à escravidão, outras ao Ciclo do Ouro, tudo temperado com influências indígenas, portuguesas e africanas.
O feijão-tropeiro (feijão cozido, farinha de mandioca e linguiça) era a alimentação básica dos trabalhadores que transportavam mercadorias em lombo de burro. A galinha caipira com quiabo e angu (fubá e água), herança indígena, era usada para alimentar escravos.
A lista de delícias é longa: tutu de feijão, frango ao molho pardo (com sangue da ave), frango com ora-pro-nóbis (folha de uma trepadeira típica) e frango com quiabo (em geral, refogado em banha de porco). Os acompanhamentos clássicos são torresmo, couve e angu. Ideal para os dias frios, o bambá de couve é feito com caldo de carne engrossado com fubá, couve, ovos e linguiça. Os doces caseiros (de leite, goiaba, abóbora ou mamão) costumam fazer par com o queijo branco.
Muitas pessoas famosas, que fazem parte da história do País, nasceram em São João del Rei como o presidente Tancredo Neves e Tiradentes, mártir da inconfidência mineira. Atualmente, a cidade é bem conhecida pelo grande numero de estudantes que migram para lá para estudar em suas faculdades, inclusive a UFSJ.
BEM VINDO A CIDADE UNIVERSITÁRIA DE SÃO JOÃO DEL REI. BELA E HISTÓRICA
foto - ?

foto - ?
MEMORIAL TANCREDO NEVES / SOLAR DOS NEVES
As nove salas do casarão do século 17 reúnem fotos e documentos sobre a trajetória política do Brasil e do ex-presidente Tancredo Neves.
Vale a pena visitar! Um grande homem, uma grande homenagem, um grandioso memorial. Impossível não se emocionar com tamanha bravura e dedicação! Um marco na história que infelizmente pouco durou, mas permanece nas lembranças e corações brasileiros.
foto - Wikipédia
foto - ?
foto - ?
ESCOLA ESTADUAL
foto - Jurandir Lima
SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA -
foto - Alzira Agostini Haddad
CHAFARIZ
foto - ?
IGREJA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS
A Igreja de São Francisco de Assis é um templo católico fundado pela Venerável Ordem Terceira de São Francisco de Assis. A igreja, começada em 1774, é um dos principais marcos da arquitetura colonial mineira.
A Venerável Ordem Terceira de São Francisco de Assis, ou ainda Venerável Ordem Terceira da Penitência de São Francisco de Assis, foi fundada em 8 de março de 1749 na então Vila de São João Del Rei. A ordem foi canonicamente ereta pelo então Bispo de Mariana Dom Frei Manoel da Cruz.
A igreja da ordem é um majestoso templo, um dos mais belos do Barroco Mineiro. Nesta obra trabalharam os mestres Francisco de Lima Cerqueira, Aniceto de Sousa Lopes e Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, autor da portada principal.
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
TORRE DAS ANTENAS
foto - ?
IGREJA DE NOSSA SENHORA DO CARMO
Localiza-se no Largo do Carmo da cidade. É uma das principais igrejas coloniais desta cidade mineira.
Erguida na fase áurea do rococó, a igreja traz inovações do estilo: a portada ricamente decorada por elementos escultóricos e as torres octogonais ligeiramente recuadas do plano da fachada.
O interior apresenta obra de talha de magnífica execução, mas sem o douramento comum às igrejas coloniais mineiras. No consistório há um conjunto de mesa com oito pés e cadeiras de alto espaldar em jacarandá, típico do período setecentista, atribuído ao artista Manuel Rodrigues Coelho, que realizou a capela-mor, os púlpitos e o medalhão do arco cruzeiro.
Um bonito portão de ferro forjado emoldura a entrada do cemitério próximo à igreja.
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
ESTAÇÃO FERROVIÁRIA
foto - Wikipédia
foto - ?
CONHEÇA UM POUCO MAIS DA CIDADE DE SÃO JOÃO DEL REI
foto - ?
foto - ?
foto - Jurandir Lima
foto - Jurandir Lima
 foto - Marcelo Máximo
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
LARGO DA CRUZ
foto - ?
RUA DAS CASAS TORTAS
foto - Wikipédia
CENTRO HISTÓRICO / PATRIMÔNIO CULTURAL
A cidade de São João Del Rei possui vasta herança patrimonial, tanto de "pedra e cal" quanto bens intangíveis.
A cidade não se resume apenas no estilo colonial, é possível encontrar diversos estilos arquitetônicos, desde o barroco até os atuais com grandes edificações
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Jurandir Lima
foto - Jurandir lima
foto - Jurandir Lima
O CARRO DO BATENTE / ENGEQUISA SEMPRE PRESENTE
foto - Thymonthy Becker 
foto - Jurandir Lima
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
População estimada 2016 (1) - 89.832
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 1.452,002
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 57,68
Código do Município 3162500
Gentílico - são-joanense
ORIGEM DO NOME
O nome da cidade eh uma homenagem a Dom João V e ao desbravador da região “Tomé Portes Del Rei”
Gentílico: são-joanense
HISTÓRICO
Em busca de esmeraldas, a bandeira de Fernão Dias Pais Leme foi, no ano de 1674, forçada a passar a estação chuvosa na Serra Negra, onde fundou o primitivo arraial das Minas Gerais ? Ibituruna, distante doze léguas da atual cidade de São João Del Rei, a cujo município pertenceu até 1922. Os cascalhos auríferos da bacia do rio das Mortes, que ?assoalhavam o caminho trilhado pelos bandeirantes?, denunciaram os grandes depósitos de ouro da região. Os primeiros povoadores de São João Del Rei foram os paulistas.
Em fins do século XVII, Tomé Portes Del Rei, procedente de Taubaté, fixou-se às margens do rio da Mortes, localidade a que chamavam, por ser passagem de todas as embarcações, do ?Porto Real , e teve início o primeiro arraial. Em 1702, porém, falecia Tomé Portes Del Rei, a quem, desde 1701, havia sido conferido o direito de cobrança de passagem no rio das Mortes. Sucedeu-o seu genro Antônio Garcia da Cunha. Até 1703, a importância do povoado decorria de sua situação como ponto de ligação com os Sertões do Caeté e a região das minas do Carmo, Ouro Preto e Sabará. De 1703 a 1704, o português Manuel João de Barcelos descobriu, nas fraldas dos montes, ricas manchas de ouro e os paulistas Pedro do Rosário e Lourenço da Costa iniciaram ali os trabalhos de faiscação. Forasteiros e aventureiros começaram a afluir para o local. E nas encostas das serras, atualmente denominado Morro da Forca, erigiram os paulistas a primeira igreja, consagrada à Nossa Senhora do Pilar. Assim, por sua posição geográfica e pela sua riqueza aurífera, surgiu o arraial do Rio das Mortes.
Na guerra entre os paulistas e emboabas, ainda no início do século XVIII, foi o arraial do Rio das Mortes fortemente abalado com a morte e o afastamento dos paulistas, aos quais foram usurpadas as minas. Apesar dessas lutas e disputas, a povoação continuou a prosperar. Em 8 de julho de 1713, foi criada a vila, que recebeu, em homenagem a D. João V e Tomé Portes Del Rei, o nome de São João Del Rei.
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE SÃO JOÃO DEL REI, MINAS GERAIS
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DEL REI, MINAS GERAIS


VALEU PELA VISITA. SEMPRE VOLTE



fotos / fonte = Wikipédia / viajeaqui.abril.com.br / Thymonthy Becker / IBGE / Governo de São João Del rei, MG / 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - Em 1963 fecharam o túnel que criou praias, formou cânions, inundou vilarejos mudando para sempre a história de 34 cidades mineira e formando o espetacular “Mar de Minas”

CONHEÇA A "REPRESA DE FURNAS", SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS, BRASIL foto - Thymonthy Becker No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas. (Thymonthy Becker) A sede do município de Guapé ficou praticamente submersa, o que levou à construção de uma nova sede em local definido pela população. O distrito de São José da Barra, então pertencente a Alpinópolis e emancipado em 1994, ficou integralmente debaixo das águas e deu lugar à "Nova Barra", que a pedido do padre Ubirajara Cabral, pároco local, foi construída pela Central Elétrica de Furnas na forma de um banjo. (Thymonthy Becker) A maioria dos municípios possuía vocação agropecuária, mas com o alagamento das ár…

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

CONHEÇA A CIDADE DE "SERRA DO NAVIO", AMAPÁ, BRASIL CONHEÇA A FAMOSA "LAGOA AZUL" DE SERRA DO NAVIO, AP A história da Lagoa Azul se mistura à criação da Serra do Navio e à atividade de exploração na década de 1950 A Amazônia é conhecida pelos rios, igarapés e cachoeiras. Mas, a maioria das pessoas nem imaginam que aqui existam lagoas de águas azul turquesa. A 208 quilômetros de Macapá, capital do Amapá, fica a Lagoa Azul, um paraíso que nasceu de uma mina abandonada. O lugar fica próximo à Vila Serra do Navio, cidade criada na década de 1950 para abrigar os trabalhadores de uma empresa de mineração. A lagoa azul e o passado da história da Serra do Navio estão entrelaçados. De acordo com a prefeitura da cidade, a cor marcante da lagoa, em tom azul anil, acontece por conta dos minérios da região especialmente o carbonato de manganês. O lugar era uma mineração. Hoje é possível chegar até lá através de trilhas ou de carro. A região é cercada por uma floresta tropical. O…

TOCANTINÓPOLIS, TOCANTINS - Com belíssimas praias, ilhas e trilhas, Tocantinópolis, “Terra do Padre João” sempre será Eterna Boa Vista

CONHEÇA A CIDADE DE "TOCANTINÓPOLIS, TOCANTINS, BRASIL foto - Thymonthy Becker A cidade de Tocantinópolis, Tocantins, vista da cidade de Porto Franco no Maranhão. O Rio Tocantins eh a divisa natural entre as duas cidades e os Estados. De balsa você vai de uma cidade a outra (de um estado a outro) em poucos minutos, por terra você deverá trafegar por 85 km
foto - Thymonthy Becker  Rua XV de Novembro em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
Alunos do projeto Rondon em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
praia de água doce em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
praia da Santa em Tocantinópolis, Tocantins
foto - Dirceu Leno Orla do Porto em Tocantinópolis, Tocantins
Universidade Federal do Tocantins, Campos de Tocantinópolis, Tocantins
Praia do Nilson em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ? Corredeiras do Rio Mumbuca em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
O Rio Mumbuca passando por Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
A Ilha Santa, como eh conhecida, tem a imagem de de uma santa…

CARRANCAS, MINAS GERAIS - Um pequeno paraíso conhecido como Terra das Cachoeiras pois possui mais de 120 quedas d'água na Estrada Real. Considerada um dos novos pólos de Ecoturismo, é um lugar ideal para a prática de Montain Bike, Trekking e outros esportes que lhe propiciam o contato com a natureza. Tem o grande poço da esmeralda, além das grutas da toca e da cortina, ainda pode-se observar pinturas rupestres e um escorregador com cerca de dez metros que termina com um divertido mergulho.

CONHEÇA A CIDADE DE "CARRANCAS", MINAS GERAIS, BRASIL

MUITO BEM VINDO AO PARAÍSO. BEM VINDO A CARRANCAS. MINAS EH ISTO E MUITO MAIS. imagem "?" Com mais de 50 cachoeiras, a cidade está voltada para o ecoturismo – suas belas paisagens frequentemente servem de cenário para novelas. Há quedas d’água de fácil acesso, mas as mais bonitas ficam escondidas na mata fechada, aonde só se chega por trilhas (que devem ser percorridas com a ajuda de guia). Entre novembro e março, a chuva torna as cachoeiras perigosas. A maioria das pousadas está próxima de grutas e cachoeiras, e muitas têm piscinas naturais. Foto - ?
POÇO DO CORAÇÃO
O acesso é tranquilo: pegue a Estrada para Itutinga, entre à esquerda após a primeira ponte para chegar ao Complexo da Toca. O carro fica na portaria, e você segue a trilha até o para o escorregador (é bom ponto para banho, ao lado da Gruta da Toca). A partir dele, suba margeando o rio: há vários poços e pequenas quedas até a principal atração local, a …

NOVA YORK, NOVA YORK, ESTADOS UNIDOS - A mais rica e influente cidade do planeta pulsa dinamismo e agito cultural. Você já viu essas ruas, praças e edifícios em dezenas de filmes, mas uma visita in loco é sempre um encontro com o inusitado e o fascinante.

CONHEÇA A CIDADE DE "NOVA YORK", NEW YORK, ESTADO UNIDOS DE AMÉRICA Nova York, a mais rica e influente cidade do planeta pulsa dinamismo e agito cultural. Você já viu essas ruas, praças e edifícios em dezenas de filmes, mas uma visita in loco é sempre um encontro com o inusitado e o fascinante. É impressionante perceber que a verticalidade de seus arranha-céus, como o Empire State Building, combina perfeitamente com as linhas horizontais da Brooklyn Bridge ou os gramados do Central Park. Os musicais nas casas ao longo da Broadway complementam a grandiosidade de super-museus como o MoMA, o Metropolitan e o New Museum ou os disputados eventos esportivos em templos sagrados como o Yankee Stadium e o Madison Square Garden.  As praias de Nova York não têm a beleza das praias brasileiras, mas podem ser uma boa opção para tomar sol e se refrescar durante o verão Pôr do sol no East River State Park, com a vista de Manhattan ao fundo Seus restaurantes estão entre os melhores do mundo,…

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal

CONHEÇA A CIDADE DE "TOMBOS", MINAS GERAIS, BRASIL Foto - PMT BEM VINDO A CIDADE DE TOMBOS. ENTRE AS MONTANHAS DE MINAS / NAS QUEDAS DAS CACHOEIRAS foto - ? População estimada 2016 (1) - 8.899 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 285,125 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 33,45 Código do Município 3169208 Gentílico - tomboense Prefeito 2017 / LUCIENE TEIXEIRA DE MORAES ORIGEM DO NOME O primitivo nome do povoado foi Arraial Novo. A partir de 1852 passou a denominar-se Nossa Senhora da Conceição dos Tombos do Carangola, sendo este topônimo alusivo à padroeira local e à cachoeira formada pelo rio Carangola, composta de três quedas consecutivas ou três tombos, conforme linguagem popular. Documentos datados de 1864 citam o povoado com a denominação reduzida para Tombos do Carangola. Na Divisão Administrativa do Brasil, referente ao ano de 1911, permanece esta última denominação. O texto da Lei que elevou o Distrito a Município reduz o topônimo à denominação atual.
G…

CORREIA DE ALMEIDA, BARBACENA, MINAS GERAIS - Correia de Almeida, a jóia da rodovia 040 eh muito aconchegante e acolhedora. Devido a sua proximidade com a cidade de Barbacena a que pertence, seus moradores dizem que Correia de Almeida eh um bairro de Barbacena

CONHEÇA O DISTRITO DE "CORREIA DE ALMEIDA", BARBACENA, MINAS GERAIS, BRASIL SEJA BEM VINDO A CORREIA DE ALMEIDA. ALI, NA BR 040. PERTINHO DE BARBACENA. Aqui podemos ver as casas e comércio, que ficam de frente para a 040 em Correia de Almeida, MG
foto - Thymonthy Becker CORREIA DE ALMEIDA TEM APROXIMADAMENTE 1.000 HABITANTES (INFORMAÇÃO DE MORADOR) CORREIA DE ALMEIDA ESTÁ A 910 Km DE BRASÍLIA ESTÁ A 185 Km DE BELO HORIZONTE SE ENCONTRA Á 240 Km DE DIVINÓPOLIS CORREIA DE ALMEIDA EH UMA CIDADE BEM ANTIGA. SURGIU COMO A MAIORIA DOS CANTINHOS DE MINAS, COMO LOCAL DE DESCANSO DOS QUE PENETRAVAM NO SERTÃO MINEIRO EM BUSCA DE OURO. DEVIDO A SUA PROXIMIDADE COM A CIDADE DE BARBACENA A QUE PERTENCE, SEUS MORADORES DIZEM QUE CORREIA DE ALMEIDA EH UM BAIRRO DE BARBACENA. Uma das muitas ruas de Correia de Almeida, Minas Gerais
foto - Thymonthy Becker Uma das ruas que ficam mais distantes da BR 040 em Correia de Almeida, Minas Gerais
foto - Thymonthy Becker Avenida principal da movimentada Co…

BRAGANÇA, PARÁ - Bragança respira Fé, Tradição e Cultura, nas belezas de suas praias, manguezais, rios, igarapés e ilhas

CONHEÇA A CIDADE DE "BRAGANÇA", PARÁ, BRASIL Bragança, localizada na região nordeste do Pará, a 210 quilômetros de Belém, capital do Estado, é um dos municípios mais procurados pelos turistas ao longo do ano, em especial durante as férias escolares.
Lar da Marujada, manifestação cultural que reúne milhares de pessoas no município para festejar São Benedito, Bragança tem praias oceânicas belíssimas, pra quem quiser aproveitar em qualquer época do ano.

A cidade, de origem portuguesa, guarda na sua cultura características religiosas marcantes e também festeja São Sebastião e Nossa Senhora de Nazaré.
Suas fronteiras são estratégicas. Assim, o município oferece o maior número de opções aos turistas: ao Norte está o oceano Atlântico, ao Sul, o município de Santa Luzia do Pará, a Leste os municípios de Augusto Corrêa e Vizeu e a Oeste, Tracuateua.

Na língua tupi, Caeté quer dizer 'mato grande' e, por estar localizada à margem esquerda do rio Caeté, Bragança é carinhosamente…

FAGUNDES, SANTO ANTÔNIO DO AMPARO, MINAS GERAIS - Bem no meio do mar de Montanhas de Minas, quase despercebido, se não fosse a placa na BR 381 indicando que por aquela estrada de terra de aproximadamente 10 km, que te permite contemplar a paisagem, observar as montanhas, passar próximo aos riachos e cachoeiras, passando por mata-burros e pontes de tábua, subindo e descendo os morros e montanhas das Gerais, se chega a Fagundes

CONHEÇA A COMUNIDADE DOS "FAGUNDES", SANTO ANTÔNIO DO AMPARO, MINAS GERAIS, BRASIL SEJA MUITO BEM VINDO AO POVOADO DOS FAGUNDES. CAPRICHOSAMENTE ENTRE AS VERDES MONTANHAS DAS MINAS GERAIS. foto - Thymonthy Becker  SÍNTESE  FAGUNDES TEM APROXIMADAMENTE 850 HABITANTES (INFORMAÇÃO DE MORADOR) O DISTRITO ESTÁ À 805 km DE BRASÍLIA (DISTRITO FEDERAL) FAGUNDES ESTÁ À 206 km DE BELO HORIZONTE ENCONTRA-SE À 131 km DE DIVINÓPOLIS. ORIGEM DO NOME Eh uma homenagem ao primeiro morador da localidade onde hoje encontra-se Fagundes. FAGUNDES PERTENCE A CIDADE DE SANTO ANTÔNIO DO AMPARO. IGREJA DE SANTO ANTÔNIO foto - Thymonthy Becker  foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
ESPAÇO CULTURAL
foto - Thymonthy Becker 
CONHEÇA UM POUCO MAIS DE FAGUNDES
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 

VIEIRAS, MINAS GERAIS - Sua arquitetura pitoresca guarda traços singelos e aconchegantes. A cidade preserva os movimentos culturais e religiosos, atraindo muitos turistas para estas festividades

CONHEÇA A CIDADE DE "VIEIRAS", MINAS GERAIS, BRASIL DISTRITO DE SANTO ANTÔNIO DA GLÓRIA, VIEIRAS, MG  O Distrito de Santo Antonio do Glória é um belo exemplar do interior de minas Gerais.  Lugar de gente simples e hospitaleira.  Localizado às margens da BR 116, conta com fácil acesso por meio de estradas vicinais, estando a aproximadamente 360 Km da capital do Estado, e a 18 Km do Município de Vieiras, a quem pertence, fazendo limites como os municípios de Eugenópolis, Miradouro, São Francisco do Glória e Pedra Dourada.  O forte de sua economia está na piscicultura ornamental, abastecendo grande parte do mercado nacional, bem como na cafeicultura, horticultura, pecuária leiteira e de corte, e também em pequenos laticínios.  Sua arquitetura pitoresca guarda traços singelos e aconchegantes.  A comunidade preserva os movimentos culturais e religiosos, atraindo muitos ás festividades típicas.  Santo Antonio do Glória é o verdadeiro “cantinho mineiro”!  Créditos / Dra. Larissa de O…