08 PASSEIOS IMPERDÍVEIS PARA VOCÊ FAZER EM PETRÓPOLIS, RJ - Petrópolis, destino serrano no Estado do Rio de Janeiro, é um dos roteiros preferidos dos paulistas e cariocas que querem curtir o charme da serra e conhecer uma cidade cheia de história. A cidade imperial, como é conhecida, é formada por diversas construções históricas e lugares perfeitos para curtir as baixas temperaturas. Pensando nisso, o Guia da Semana preparou uma lista com 8 passeios imperdíveis em Petrópolis. Confira:




08 PASSEIOS IMPERDÍVEIS PARA VOCÊ FAZER EM PETRÓPOLIS NO RIO DE JANEIRO - OLHANDO DA JANELA DO TREM
Petrópolis, destino serrano no Estado do Rio de Janeiro, é um dos roteiros preferidos dos paulistas e cariocas que querem curtir o charme da serra e conhecer uma cidade cheia de história. A cidade imperial, como é conhecida, é formada por diversas construções históricas e lugares perfeitos para curtir as baixas temperaturas. Curtir a natureza, visitar museus ou curtir as paisagens da Serra Fluminense são alguns dos passeios em Petrópolis. Seja para fazer um bate e volta do Rio de Janeiro (são 64 km aproximadamente) ou para curtir uns dias a mais na cidade, o destino certamente vai te conquistar. Pensando nisso, o Guia da Semana preparou uma lista com 8 passeios imperdíveis em Petrópolis. Confira: 
01 - PALÁCIO QUITANDINHA 
Um dos cartões-postais de Petrópolis é o Palácio Quitandinha. Construído em 1941 para ser o maior Cassino da América do Sul, o palácio é uma das construções que mais chamam a atenção na cidade. Hoje, o espaço promove atrações culturais abertas ao público, organizadas pelo SESC Quitandinha. 
Além de conhecer um pouco mais sobre a história do espaço, é possível visitar o lago, andar de pedalinho e fazer um passeio guiado – programas pagos à parte. Vale a pena ficar de olho na programação do local para ver o que estará rolando no dia da sua visita. 
02 - MUSEU IMPERIAL 
O Museu Imperial é um daqueles roteiros imperdíveis para todos que visitam Petrópolis pela primeira vez. Trata-se da residência de verão da família imperial e que se transformou em um museu repleto de curiosidades. A construção por si só já vale a visita – ela foi construída em 1862 quando Dom Pedro se apaixonou pela região serrana do Rio e decidiu ter uma casa por lá. 
Na visita é possível conhecer todos os cômodos da casa, bem como os quartos, banheiros, salões e corredores. Localizado no centro histórico de Petrópolis, é a dica ideal para um passeio cultural pela cidade. 
03 - CASA DE SANTOS DUMONT 
Santos Dumont, o pai da aviação, também escolheu Petrópolis como moradia e hoje o local funciona como uma espécie de museu e espaço para memórias do inventor. A Casa de Santos Dumont foi construída em 1918 e contém pequenas invenções deste que foi um dos maiores gênios brasileiros, como o chuveiro a álcool e os móveis metodicamente planejados. 
O espaço fica localizado no Encanto no Centro e é recheado de peculiaridades como, por exemplo, as escadas com degraus em formato de raquete e o teto medindo 1.52 metros (altura de Santos Dumont). 
04 - CATEDRAL DE SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA 
Construída em estilo neogótico francês, a Catedral de São Pedro de Alcântara encanta pela sua arquitetura diferenciada. No seu interior destaca-se o Mausoléu onde estão os restos mortais da Família Imperial (dom Pedro II, dona Teresa Cristina, Princesa Isabel e Conde D’Eu) e também podem ser vistas esculturas de Jean Magrou, Bertozzi, vitrais e pinturas de Carlos Oswald. 
O altar gótico contém relíquias de São Magno, Santa Aurélia e Santa Tecla, trazidas de Roma pelo Cardeal D. Sebastião Leme. Uma curiosidade é que suas portas principais pesam 2.400 kg cada! 
05 - CERVEJARIA BOHÊMIA 
Os amantes de cerveja podem comemorar: Petrópolis possui um paraíso para quem gosta de bons rótulos. Estamos falando da Fábrica da Bohêmia, que faz parte do roteiros turísticos da cidade. O centro de experiência cervejeira está instalado na mais antiga fábrica de cerveja do Brasil (1853) e conta com mais de 20 ambientes que proporcionam uma viagem interativa pela evolução da cerveja através dos tempos. 
Reúne entretenimento, história, rituais e curiosidades, relacionando a cultura da produção cervejeira com a gastronomia, costumes e meio ambiente. Para visitar, é necessário fazer um agendamento através do site oficial. 
06 - PALÁCIO DE CRISTAL 
O Palácio de Cristal conta com uma estrutura pré-moldada em ferro fundido que foi encomendada a uma fundição francesa pelo Conde D’Eu, genro de Dom Pedro II. O espaço foi inaugurado em 1884 com a finalidade de abrigar as já tradicionais exposições de produtos hortícolas e pássaros da região, que aconteciam em instalações provisórias no local. 
No Palácio, em abril de 1888, foram libertados os últimos escravos de Petrópolis, em uma bela festa com a presença da Princesa Isabel. Hoje, o belo local cercado com paredes de vidro, é usado em eventos e exposições. 
07 - CASA DA PRINCESA ISABEL 
A casa pertenceu ao Barão do Pilar, fazendeiro e negociante em 1854. Foi comprada em 1876 pela Princesa Isabel e o Conde D’Eu, que nela residiam quando estavam em Petrópolis. Na escadaria da varanda foi tirada a que é considerada a última foto que reúne a Família Imperial em terras brasileiras, dias antes da Proclamação da República. Nos jardins observamos camélias brancas, símbolo do movimento abolicionista. 
08 - SERRA DOS ÓRGÃOS 
Para quem não perde a oportunidade de ter contato com a natureza e explorar o melhor que ela pode oferecer, a dica é conhecer a Serra dos Órgãos. A região abriga trilhas, cachoeiras refrescantes e muitas paisagens incríveis dentro do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. O parque é uma Unidade de Proteção cujo objetivo maior é o de preservar amostras representativas dos ecossistemas nacionais. 
São mais de 200 quilômetros de trilhas em todos os níveis de dificuldade: desde a trilha suspensa, acessível até a cadeirantes, até a pesada Travessia Petrópolis-Teresópolis, com 30 Km de subidas e descidas pela parte alta das montanhas. Saiba mais sobre o Parque Nacional da Serra dos Órgãos. 

Fonte dos textos e fotos: Guiadasemana.com.br / msns.com / Thymonthy Becker / Charlie Styforlamber / 



VALEU POR VIAJAR COM A GENTE - SEMPRE VOLTE


Comentários