Pular para o conteúdo principal

PARQUE ESTADUAL DE TERRA RONCA, GOIÁS - A mais espetacular atração subterrânea com mais de 200 cavernas




CONHEÇA O "PARQUE ESTADUAL DA TERRA RONCA", GOIÁS, BRASIL
O número é incerto, mas estima-se que o Parque Estadual de Terra Ronca, em Goiás, guarda cerca de 300 grutas. Entre as que são abertas a visitação duas se destacam. A primeira é a Angélica, com acesso por trilha tranquila, tem 17 km de extensão e cerca de dez salões que ostentam formações como estalactites e estalagmites. 
A segunda gruta que merece destaque é a Terra Ronca 1, que é cortada por um rio e tem entrada rente à estrada que atravessa o parque – seu interior chega a 90 metros de altura e desemboca em um altar onde é realizada a Festa do Bom Jesus da Lapa (sempre no dia 6 de agosto). 
Para aproveitar bem a viagem, é essencial dormir por aqui, numa das hospedarias que rodeiam o Povoado São João, (leia em Hotéis). Os guias são indispensáveis. Na mala, coloque roupas leves, tênis, lanche e repelente.
A lavoura chegou no limite do Parque Estadual de Terra Ronca, Goiás
PARQUE ESTADUAL DE TERRA RONCA / GOIÁS / BRASIL
600 milhões de anos atrás, a natureza se encarregava de formar uma das mais espetaculares atrações subterrâneas do hemisfério sul: as Cavernas de “Terra Ronca”, hoje consagradas como um dos maiores complexos espeleológicos, não só do Brasil, como da América Latina e também do mundo.
O nome do Parque soa estranho: “Terra Ronca”. A expressão deriva do rugido dos rios que atravessam as cavernas, e do burburinho das cachoeiras que despencam em suas entranhas.
Camufladas entre a paisagem ressequida do cerrado, e emolduradas pelo suave contorno da Serra Geral de Goiás, as cavernas do Parque, oferecem um ecoturismo de grande aventura, recheado de emoção e adrenalina.
Pouco conhecido e quase inexplorado o Parque de Terra Ronca vem despertando interesse de espeleólogos, geólogos, biólogos, turistas, e, particularmente, dos aventureiros, amantes da natureza e dos esportes radicais.
No complexo, estão grandes sistemas de cavernas do Brasil. São mais de 60 cavernas “molhadas” atravessadas por rios, e 200 “cavernas secas”, mas apenas algumas foram exploradas, entre elas a Angélica, Terra Ronca I e II, São Vicente, São Bernardo, Lapa do Bezerra e São Mateus.
Sete delas constam da lista das trinta maiores cavernas do Brasil. A Angélica, com 14.100 metros de extensão é a 4ª colocada do país. São várias cavernas esculpidas por rios, com formações moldadas durante milhões de anos, desde que a região era banhada pelo mar, no período Pré-Cambriano superior.
O parque da Terra Ronca foi criado em 1989 para preservar o complexo de cavernas, berço de incríveis formações calcárias, como as gigantescas colunas de estalactites, estalagmites (formadas por gotinhas impregnadas por calcário que pingam por milhares e milhares de anos).
As nascentes de águas límpidas, que correm dentro das grutas, oferecem um espetáculo à parte, os “bagres cegos”, que por viverem na escuridão das cavernas, ficaram albinos e cegos. Até nas pocinhas é possível ver essa rara espécie de peixe, cuja atrofia dos órgãos da visão e a despigmentação, representam não apenas um exemplo vivo de uma fauna ameaçada de extinção, mas um patrimônio genético inigualável para estudos sobre a evolução biológica das espécies
A região do parque fica no Planalto Central Brasileiro, a noroeste de Goiás, na divisa com o estado da Bahia. A melhor opção para se chegar até o Parque de Terra Ronca é partir da Capital Federal rumo ao nordeste Goiano. Seguindo pela BR 020, o caminho é por Formosa, Alvorado do Norte e Posse. Em Posse, deixa-se a BR 020 em direção a Guarani de Goiás. O Parque de Terra Ronca fica aproximadamente 40 km de Guarani de Goiás.
A cidade base para esse santuário natural subterrâneo é São Domingos, que fica 400 km de Brasília e aproximadamente uns 50 km de distância das cavernas.
Muitos preferem se hospedar em pousadas rurais e familiares (algumas bem simples) no povoado de São João Evangelista, ou em campings mais próximos das cavernas. Todavia, conhecer ou se hospedar na histórica cidade de São Domingos é uma experiência que vale a pena.
São Domingos tem sua origem relacionada com o garimpo do ouro no século 17º. O cartão postal da cidade são os casarões e a Matriz de São Domingos, do século 19º. São Domingos é banhado pelos rios: Maravilha e São Domingos, cuja represa formou um lago, onde as famílias fazem piquenique e a criançada se diverte em suas prainhas.
A pequena cidade de São Domingos oferece pouca infra-estrutura de turismo para a exploração das cavernas, e o visitante deve estar imbuído de espírito de aventura para enfrentar as esburacadas estradas de terra. Mas acredite o passeio lhe trará grandes recordações e qualquer dificuldade será apenas um detalhe.
A Caverna “Terra Ronca”, que deu nome ao parque, é a mais importante e espetacular caverna do complexo e também a mais visitada. A Terra Ronca é dividida em Terra Ronca 1 e 2, em razão de um desabamento ocorrido há milhares de anos que dividiu o acesso da caverna em dois.
Camufladas entre a paisagem ressequida do cerrado, e emolduradas pelo suave contorno da Serra Geral de Goiás, as cavernas do Parque, oferecem um ecoturismo de grande aventura, recheado de emoção e adrenalina.
A 485 km de Brasília, o município goiano de São Domingos é a principal porta de entrada para o Parque Estadual de Terra Ronca (PETeR), uma área de 57 mil hectares, considerada uma dos maiores concentrações de cavernas da América Latina e um dos destinos deste tipo mais respeitados do planeta.
A área protegida, com corredores subterrâneos formados há 600 milhões de anos, abriga 200 cavernas secas e outras 60 molhadas, cujo acesso exige cruzar rios interiores que rasgam a escuridão.
Dentro do parque, apenas 17 grutas estão abertas para visitação. E isso já é suficiente para vivenciar uma das experiências cênicas mais impactantes do Brasil. Só para ter a dimensão, o PETeR abriga sete das 30 maiores cavernas do País, com extensões que ultrapassam mais de 14 km de canais interligados.
A formação rochosa que dá nome ao parque está a 50 km de São Domingos e tem números grandiosos. Sua entrada, uma das maiores bocas naturais de caverna no Brasil, tem 96 m de altura - o mesmo que um prédio de 36 andares - e 120 m de largura - equivalente ao comprimento de um campo de futebol.
O local é acessado por uma trilha breve, com rochas de calcário e árvores típicas do Cerrado, como gameleiras. Cortada pelo Rio da Lapa, cuja transposição é obrigatória em alguns trechos, a caverna de Terra Ronca abriga salões iluminados naturalmente e outros mais profundos, que exigem o uso de luz artificial.
A 8 km dali, a caverna São Bernardo 2 faz o nível da adrenalina subir. Com 2 km de extensão e dona de um dos cenários mais impactantes de um complexo de três grutas, o local tem boca de 40 m de diâmetro com acesso por uma dolina, como são chamadas as depressões formadas pela infiltração de água ou pelo desmoronamento do teto de uma caverna.
Passada a etapa da descida íngreme a 45º até o interior da São Bernardo, o visitante ainda precisa cruzar um rio pouco convidativo (tanto por sua velocidade quanto pela baixa temperatura), caminhar com água até a cintura e se equilibrar entre rochas para atravessar áreas mais perigosas. Tudo isso sob total escuridão: a única luz vem do capacete de cada um dos visitantes.
Os destaques dali são o encontro das águas dos rios São Bernardo e Palmeira, dentro da própria caverna, e o Salão de Pérolas, onde repousa uma espécie de ninho de pedras brancas arredondadas, que dão nome ao local.
Já a Lapa da Angélica, com pouco mais de 14 km de extensão, é a mais extensa de todo o parque e é uma das dez maiores do Brasil, segundo o Cadastro Nacional de Cavernas, divulgado pela Sociedade Brasileira de Espeleologia.
Ainda que seja uma das atrações de fácil acesso, essa caverna é exigente, sobretudo com quem não está acostumado a andar em terrenos escorregadios e de teto baixo. Em certos trechos, é necessário o uso de cordas.
A Angélica é conhecida pela grande quantidade de salões naturais e cortinas, com estalactites e estalagmites milenares de formas surreais.
Essa e todas as outras cavernas da região de Terra Ronca ainda são ilustres desconhecidas do viajante brasileiro com alma mais aventureira. Inclusive entre os próprios goianos, que ainda veem o destino como um paraíso distante e exótico. E olha que Goiás está entre os cinco estados com o maior número de cavernas do País: são 718, para ser mais exato, segundo o Cadastro de Cavernas do Brasil.

VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE



fonte / fotos - uol.com.br / Thymonthy Becker / Divulgação / Governo de Goiás / 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - Em 1963 fecharam o túnel que criou praias, formou cânions, inundou vilarejos mudando para sempre a história de 34 cidades mineira e formando o espetacular “Mar de Minas”

CONHEÇA A "REPRESA DE FURNAS", SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS, BRASIL foto - Thymonthy Becker No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas. (Thymonthy Becker) A sede do município de Guapé ficou praticamente submersa, o que levou à construção de uma nova sede em local definido pela população. O distrito de São José da Barra, então pertencente a Alpinópolis e emancipado em 1994, ficou integralmente debaixo das águas e deu lugar à "Nova Barra", que a pedido do padre Ubirajara Cabral, pároco local, foi construída pela Central Elétrica de Furnas na forma de um banjo. (Thymonthy Becker) A maioria dos municípios possuía vocação agropecuária, mas com o alagamento das ár…

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

CONHEÇA A CIDADE DE "SERRA DO NAVIO", AMAPÁ, BRASIL CONHEÇA A FAMOSA "LAGOA AZUL" DE SERRA DO NAVIO, AP A história da Lagoa Azul se mistura à criação da Serra do Navio e à atividade de exploração na década de 1950 A Amazônia é conhecida pelos rios, igarapés e cachoeiras. Mas, a maioria das pessoas nem imaginam que aqui existam lagoas de águas azul turquesa. A 208 quilômetros de Macapá, capital do Amapá, fica a Lagoa Azul, um paraíso que nasceu de uma mina abandonada. O lugar fica próximo à Vila Serra do Navio, cidade criada na década de 1950 para abrigar os trabalhadores de uma empresa de mineração. A lagoa azul e o passado da história da Serra do Navio estão entrelaçados. De acordo com a prefeitura da cidade, a cor marcante da lagoa, em tom azul anil, acontece por conta dos minérios da região especialmente o carbonato de manganês. O lugar era uma mineração. Hoje é possível chegar até lá através de trilhas ou de carro. A região é cercada por uma floresta tropical. O…

TOCANTINÓPOLIS, TOCANTINS - Com belíssimas praias, ilhas e trilhas, Tocantinópolis, “Terra do Padre João” sempre será Eterna Boa Vista

CONHEÇA A CIDADE DE "TOCANTINÓPOLIS, TOCANTINS, BRASIL foto - Thymonthy Becker A cidade de Tocantinópolis, Tocantins, vista da cidade de Porto Franco no Maranhão. O Rio Tocantins eh a divisa natural entre as duas cidades e os Estados. De balsa você vai de uma cidade a outra (de um estado a outro) em poucos minutos, por terra você deverá trafegar por 85 km
foto - Thymonthy Becker  Rua XV de Novembro em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
Alunos do projeto Rondon em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
praia de água doce em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
praia da Santa em Tocantinópolis, Tocantins
foto - Dirceu Leno Orla do Porto em Tocantinópolis, Tocantins
Universidade Federal do Tocantins, Campos de Tocantinópolis, Tocantins
Praia do Nilson em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ? Corredeiras do Rio Mumbuca em Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
foto - ?
O Rio Mumbuca passando por Tocantinópolis, Tocantins
foto - ?
A Ilha Santa, como eh conhecida, tem a imagem de de uma santa…

NOVA YORK, NOVA YORK, ESTADOS UNIDOS - A mais rica e influente cidade do planeta pulsa dinamismo e agito cultural. Você já viu essas ruas, praças e edifícios em dezenas de filmes, mas uma visita in loco é sempre um encontro com o inusitado e o fascinante.

CONHEÇA A CIDADE DE "NOVA YORK", NEW YORK, ESTADO UNIDOS DE AMÉRICA Nova York, a mais rica e influente cidade do planeta pulsa dinamismo e agito cultural. Você já viu essas ruas, praças e edifícios em dezenas de filmes, mas uma visita in loco é sempre um encontro com o inusitado e o fascinante. É impressionante perceber que a verticalidade de seus arranha-céus, como o Empire State Building, combina perfeitamente com as linhas horizontais da Brooklyn Bridge ou os gramados do Central Park. Os musicais nas casas ao longo da Broadway complementam a grandiosidade de super-museus como o MoMA, o Metropolitan e o New Museum ou os disputados eventos esportivos em templos sagrados como o Yankee Stadium e o Madison Square Garden.  As praias de Nova York não têm a beleza das praias brasileiras, mas podem ser uma boa opção para tomar sol e se refrescar durante o verão Pôr do sol no East River State Park, com a vista de Manhattan ao fundo Seus restaurantes estão entre os melhores do mundo,…

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal

CONHEÇA A CIDADE DE "TOMBOS", MINAS GERAIS, BRASIL Foto - PMT BEM VINDO A CIDADE DE TOMBOS. ENTRE AS MONTANHAS DE MINAS / NAS QUEDAS DAS CACHOEIRAS foto - ? População estimada 2016 (1) - 8.899 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 285,125 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 33,45 Código do Município 3169208 Gentílico - tomboense Prefeito 2017 / LUCIENE TEIXEIRA DE MORAES ORIGEM DO NOME O primitivo nome do povoado foi Arraial Novo. A partir de 1852 passou a denominar-se Nossa Senhora da Conceição dos Tombos do Carangola, sendo este topônimo alusivo à padroeira local e à cachoeira formada pelo rio Carangola, composta de três quedas consecutivas ou três tombos, conforme linguagem popular. Documentos datados de 1864 citam o povoado com a denominação reduzida para Tombos do Carangola. Na Divisão Administrativa do Brasil, referente ao ano de 1911, permanece esta última denominação. O texto da Lei que elevou o Distrito a Município reduz o topônimo à denominação atual.
G…

CORREIA DE ALMEIDA, BARBACENA, MINAS GERAIS - Correia de Almeida, a jóia da rodovia 040 eh muito aconchegante e acolhedora. Devido a sua proximidade com a cidade de Barbacena a que pertence, seus moradores dizem que Correia de Almeida eh um bairro de Barbacena

CONHEÇA O DISTRITO DE "CORREIA DE ALMEIDA", BARBACENA, MINAS GERAIS, BRASIL SEJA BEM VINDO A CORREIA DE ALMEIDA. ALI, NA BR 040. PERTINHO DE BARBACENA. Aqui podemos ver as casas e comércio, que ficam de frente para a 040 em Correia de Almeida, MG
foto - Thymonthy Becker CORREIA DE ALMEIDA TEM APROXIMADAMENTE 1.000 HABITANTES (INFORMAÇÃO DE MORADOR) CORREIA DE ALMEIDA ESTÁ A 910 Km DE BRASÍLIA ESTÁ A 185 Km DE BELO HORIZONTE SE ENCONTRA Á 240 Km DE DIVINÓPOLIS CORREIA DE ALMEIDA EH UMA CIDADE BEM ANTIGA. SURGIU COMO A MAIORIA DOS CANTINHOS DE MINAS, COMO LOCAL DE DESCANSO DOS QUE PENETRAVAM NO SERTÃO MINEIRO EM BUSCA DE OURO. DEVIDO A SUA PROXIMIDADE COM A CIDADE DE BARBACENA A QUE PERTENCE, SEUS MORADORES DIZEM QUE CORREIA DE ALMEIDA EH UM BAIRRO DE BARBACENA. Uma das muitas ruas de Correia de Almeida, Minas Gerais
foto - Thymonthy Becker Uma das ruas que ficam mais distantes da BR 040 em Correia de Almeida, Minas Gerais
foto - Thymonthy Becker Avenida principal da movimentada Co…

CARRANCAS, MINAS GERAIS - Um pequeno paraíso conhecido como Terra das Cachoeiras pois possui mais de 120 quedas d'água na Estrada Real. Considerada um dos novos pólos de Ecoturismo, é um lugar ideal para a prática de Montain Bike, Trekking e outros esportes que lhe propiciam o contato com a natureza. Tem o grande poço da esmeralda, além das grutas da toca e da cortina, ainda pode-se observar pinturas rupestres e um escorregador com cerca de dez metros que termina com um divertido mergulho.

CONHEÇA A CIDADE DE "CARRANCAS", MINAS GERAIS, BRASIL

MUITO BEM VINDO AO PARAÍSO. BEM VINDO A CARRANCAS. MINAS EH ISTO E MUITO MAIS. imagem "?" Com mais de 50 cachoeiras, a cidade está voltada para o ecoturismo – suas belas paisagens frequentemente servem de cenário para novelas. Há quedas d’água de fácil acesso, mas as mais bonitas ficam escondidas na mata fechada, aonde só se chega por trilhas (que devem ser percorridas com a ajuda de guia). Entre novembro e março, a chuva torna as cachoeiras perigosas. A maioria das pousadas está próxima de grutas e cachoeiras, e muitas têm piscinas naturais. Foto - ?
POÇO DO CORAÇÃO
O acesso é tranquilo: pegue a Estrada para Itutinga, entre à esquerda após a primeira ponte para chegar ao Complexo da Toca. O carro fica na portaria, e você segue a trilha até o para o escorregador (é bom ponto para banho, ao lado da Gruta da Toca). A partir dele, suba margeando o rio: há vários poços e pequenas quedas até a principal atração local, a …

ÁGUAS DO TREME LAKE RESORT, INHAÚMA, MINAS GERAIS - Com vista espetacular de colinas e cerrados, o hotel tem trilhas, pista de cooper e trenzinhos além de balonismo pescarias e passeios a cavalo

CONHEÇA O "ÁGUAS DO TREME LAKE RESORT ", INHAÚMA, MINAS GERAIS, BRASIL imagem - ATR BEM VINDO AO PARAÍSO. BEM VINDO A ÁGUAS DO TREME LAKE RESORT EM INHAÚMA NO CORAÇÃO DAS MINAS GERAIS imagem - ATR Águas do Treme é um oásis no meio do cerrado mineiro, cercado por suaves colinas de mata nativa. Um lugar calmo, ideal para uma experiência única no hotel ou na orla, com o sistema Day Use.  O complexo foi projetado para que o hóspede possa desfrutar de um ambiente agradável e cordial, relaxando ou praticando diversas atividades. imagem - ATR A CONSTRUÇÃO uma construção em estilo espanhol com charmoso pátio interno, é decorado com obras de arte modernas e peças mineiras do séc. XVIII. São 12 suítes e 2 ranchos, restaurantes, sauna panorâmica integrada à piscina de 1200m² e uma estrutura de lazer na orla do lago de 60 hectares. imagem - ATR Membro da Associação Roteiros de Charme e do Circuito das Grutas, é localizado em Inhaúma, a 83 km de BH, MG e oferece uma rara combinação de atrati…

FAGUNDES, SANTO ANTÔNIO DO AMPARO, MINAS GERAIS - Bem no meio do mar de Montanhas de Minas, quase despercebido, se não fosse a placa na BR 381 indicando que por aquela estrada de terra de aproximadamente 10 km, que te permite contemplar a paisagem, observar as montanhas, passar próximo aos riachos e cachoeiras, passando por mata-burros e pontes de tábua, subindo e descendo os morros e montanhas das Gerais, se chega a Fagundes

CONHEÇA A COMUNIDADE DOS "FAGUNDES", SANTO ANTÔNIO DO AMPARO, MINAS GERAIS, BRASIL SEJA MUITO BEM VINDO AO POVOADO DOS FAGUNDES. CAPRICHOSAMENTE ENTRE AS VERDES MONTANHAS DAS MINAS GERAIS. foto - Thymonthy Becker  SÍNTESE  FAGUNDES TEM APROXIMADAMENTE 850 HABITANTES (INFORMAÇÃO DE MORADOR) O DISTRITO ESTÁ À 805 km DE BRASÍLIA (DISTRITO FEDERAL) FAGUNDES ESTÁ À 206 km DE BELO HORIZONTE ENCONTRA-SE À 131 km DE DIVINÓPOLIS. ORIGEM DO NOME Eh uma homenagem ao primeiro morador da localidade onde hoje encontra-se Fagundes. FAGUNDES PERTENCE A CIDADE DE SANTO ANTÔNIO DO AMPARO. IGREJA DE SANTO ANTÔNIO foto - Thymonthy Becker  foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
ESPAÇO CULTURAL
foto - Thymonthy Becker 
CONHEÇA UM POUCO MAIS DE FAGUNDES
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 
foto - Thymonthy Becker 

VIEIRAS, MINAS GERAIS - Sua arquitetura pitoresca guarda traços singelos e aconchegantes. A cidade preserva os movimentos culturais e religiosos, atraindo muitos turistas para estas festividades

CONHEÇA A CIDADE DE "VIEIRAS", MINAS GERAIS, BRASIL DISTRITO DE SANTO ANTÔNIO DA GLÓRIA, VIEIRAS, MG  O Distrito de Santo Antonio do Glória é um belo exemplar do interior de minas Gerais.  Lugar de gente simples e hospitaleira.  Localizado às margens da BR 116, conta com fácil acesso por meio de estradas vicinais, estando a aproximadamente 360 Km da capital do Estado, e a 18 Km do Município de Vieiras, a quem pertence, fazendo limites como os municípios de Eugenópolis, Miradouro, São Francisco do Glória e Pedra Dourada.  O forte de sua economia está na piscicultura ornamental, abastecendo grande parte do mercado nacional, bem como na cafeicultura, horticultura, pecuária leiteira e de corte, e também em pequenos laticínios.  Sua arquitetura pitoresca guarda traços singelos e aconchegantes.  A comunidade preserva os movimentos culturais e religiosos, atraindo muitos ás festividades típicas.  Santo Antonio do Glória é o verdadeiro “cantinho mineiro”!  Créditos / Dra. Larissa de O…