Pular para o conteúdo principal

BARBACENA, MINAS GERAIS - Barbacena é conhecida em todo o Brasil e também no exterior como a "Cidade das Rosas", em função da grande produção local desta flor. No Brasil, o município também é conhecido como a "Cidade dos Loucos", pelo grande número de hospitais psiquiátricos instalados no local. A cidade atraiu esses manicômios em decorrência da antiga ideia, defendida por alguns médicos, de que seu clima ameno, com temperaturas médias bem baixas para os padrões brasileiros, faria com que os doentes mentais ficassem mais quietos e menos arredios, supostamente facilitando o tratamento. Além da intensa produção de frutas européias e de rosas, exportadas para o país e o exterior, Barbacena é centro de pecuária, agricultura e da indústria de tecelagem.




CONHEÇA A CIDADE DE "BARBACENA", MINAS GERAIS, BRASIL - OLHANDO DA JANELA DO TREM

SEJA MUITO BEM VINDO A BELA CIDADE DE BARBACENA - ACIDADE DAS ROSAS
Barbacena é conhecida em todo o Brasil e também no exterior como a "Cidade das Rosas", em função da grande produção local desta flor e sua excelente qualidade.
foto - Frederico Simão
Barbacena é conhecida em todo o Brasil e também no exterior como a "Cidade das Rosas", em função da grande produção local desta flor. No Brasil, o município também é conhecido como a "Cidade dos Loucos", pelo grande número de hospitais psiquiátricos instalados no local. A cidade atraiu esses manicômios em decorrência da antiga ideia, defendida por alguns médicos, de que seu clima ameno, com temperaturas médias bem baixas para os padrões brasileiros, faria com que os doentes mentais ficassem mais quietos e menos arredios, supostamente facilitando o tratamento.
Faculdade de Medicina de Barbacena, Minas Gerais (Wikipédia)
O município possui parque de exposições e um aeroporto com aeroclube. É sede do Nono Batalhão de Polícia Militar, da 13ª Região da Polícia Militar de Minas Gerais. Abriga estabelecimentos de ensino como a Faculdade de Medicina de Barbacena, a Escola Preparatória de Cadetes do Ar. Na cidade, também se encontram escritórios da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerais, do Departamento de Estradas de Rodagem e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.
Além da intensa produção de frutas européias e de rosas, exportadas para o país e o exterior, Barbacena é centro de pecuária, agricultura e da indústria de tecelagem.
AQUI A ZONA RURAL DA CIDADE (Wikipédia)
AQUI A IGREJA DA BOA MORTE.
foto - Heverton J.B.
ESTA EH A IGREJA DE SÃO SEBASTIÃO
foto - Tiago Vidal
ESTA EH A IGREJA DO ROSÁRIO
foto - Heverton J.B.
ESTA EH A BASÍLICA DE SÃO JOSÉ OPERÁRIO
foto - ?
MATRIZ DE NOSSA SENHORA DA PIEDADE
imagem - Carlão Azul
imagem - Carlão Azul
ESTES SÃO OS AFRESCOS DA IGREJA DE NOSSA SENHORA DA PIEDADE
imagem - Carlão Azul
ESTA AQUI EH A MATRIZ DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA
foto - Raymundo P. Netto
AO FUNDO VEMOS A IGREJA DE NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
foto - Gláucio Dutra Rocha
AQUI O PONTILHÃO FERROVIÁRIO
foto - ?
O CENTRO DA CIDADE
foto - ?
VEJA QUE BELO CASARÃO
foto - Heverton J.B.
MAIS UM BONITO CASARÃO
foto - ?
AO FUNDO A ESCOLA AGROTÉCNICA FEDERAL
foto - Frederico Simão
O BELO CHAFARIZ DA PRAÇA CENTRAL
foto - Heverton J.B.
AQUI O INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DAS MINAS GERAIS.
foto - Tiago Vidal
MONUMENTO NA PRAÇA
foto - Heverton J.B.
AQUI O MUSEU DA LOUCURA
foto - ?
VEJA QUE BELO JARDIM
foto - ?
ANTIGA ESTAÇÃO FERROVIÁRIA
foto - Leandro Moreira
VEJA ALGUMAS IMAGENS DA REGIÃO CENTRAL
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
AQUI A FAMOSA ESCOLA PREPARATÓRIA DE CADETES DO AR
foto - ?
foto - ?
foto - ?
UM VELHO CASARÃO
foto - ?
População estimada 2016 (1) - 135.829
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 759,186
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 166,34
Código do Município 3105608
Gentílico - barbacenense
Prefeito 2017 / LUIS ÁLVARO ABRANTES CAMPOS
ORIGEM DO NOME
O nome Barbacena foi uma homenagem ao então Governador e capitão-general da capitania “D. Luís Antônio Furtado de Mendonça” que detinha o título de “Visconde de Barbacena”. Que em 14 de agosto de 1.791 criou a Vila de Barbacena e erigiu o respectivo pelourinho de Câmara, dando a vila o seu próprio título (originalmente, de Barbacena, em Portugal)
Gentílico: barbacenense
HISTÓRICO
Barbacena teve por origem uma pequena aldeia de índios Puris, formada por jesuítas junto às cabeceiras do Rio das Mortes, pelas primeiras bandeiras que penetraram no território das Minas Gerais e Borda do Campo. Esses indígenas, pertencentes à nação tupi, habitavam a zona do Campo desde a Mantiqueira, e tinham por vizinhos a leste os Coroados e ao norte os Carijós. Vindos do sul, eles se espalharam pelas regiões de Queluz e Congonhas do Campo. Os últimos representantes desses indígenas desapareceram em meados do século XVIII.
Os primeiros povoadores da região foram paulistas e portugueses, procedentes, na maioria, de Taubaté. Transpondo a Mantiqueira pela garganta do Embaú, desbravaram os sertões e estabeleceram-se no território, dedicando-se de início à mineração e, em seguida, à lavoura e criação de gado. Essa empresa foi iniciada pelo capitão Garcia Rodrigues Paes Leme, em 1698, e determinada com o auxílio de seu cunhado, o Coronel Domingos Rodrigues de Fonseca Leme, então já estabelecido na fazenda da Borba do Campo. Como recompensa receberam ambos vários títulos, privilégios e diversas sesmarias ao longo de Caminho Novo, aberto por eles.
Em representação dirigida ao Príncipe Regente D. Pedro, em 11 de fevereiro de 1822, vila de Barbacena foi proposta para capital, sede da Monarquia portuguesa, então em crise, oferecendo-se os barbacenenses para lutar em defesa do Príncipe Regente, que nessa ocasião, havia recorrido aos mineiros. Recebeu Barbacena, então, o título de “nobre e muito leal”, conferido pelo primeiro Imperador, em 1832.
Em 1840, Barbacena recebeu foros de cidade, juntamente com a Campanha da Princesa, Paracatu e Minas Novas.
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE BARBACENA, MINAS GERAIS
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE BARBACENA, MINAS GERAIS



QUALQUER DIA DESTES, A GENTE SE ENCONTRA EM UMA CIDADE MINEIRA.

Fonte dos textos e fotos: IBGE / Thymonthy Becker / Portal do Governo de Barbacena / Wikipédia / 


Comentários

  1. Cidade tristemente famosa por causa do hospício horrível que havia nela. Quantos mendigos e gente pobre costumavam desaparecer nos arredores. Sequer eram loucos. Quando menos se esperava, eram encontrados no hospício de Barbacena. Em Viçosa, volta e meia acontecia um caso desse. As pessoas eram jogadas no trem e enviadas ao hospício sem mais nem mais. Algumas apodreciam por lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tinha nesta página uma referência a este Hospital psiquiátrico, mas achei melhor não deixar esta parte da publicação. Existe um documentário mostrando como era viver lá. Eh um canal pago que exibiu este documentário. As pessoas lá morriam de fome, de abandono, de frio, de eletrochoque, a maioria vivia totalmente nua e tratada como animais indesejados. Muito, muito triste.

      Excluir

Postar um comentário

VALEU POR VIAJAR COM A GENTE

Páginas que receberam mais visitas

BAEPENDI, MINAS GERAIS - A terra de "Nhá Chica". Na natureza preservada no município estão cerca de 40% do parque ecológico do papagaio, é local ideal para fazer trilhas e acampar em paradisíacos lugares. Baependi é uma das poucas cidades que podem ser visitadas durante qualquer época do ano, sem se preocupar com a programação que irá encontrar pois, o verão é bem definido, sendo um convite para se deslumbrar com as mais de cinqüenta cachoeiras que cercam a cidade e o inverno pouco chuvoso propicia inúmeras opções para enfrentar trilhas e acampar em paradisíacos lugares

COLORADO, RIO GRANDE DO SUL - Colorado é uma pequena cidade do Alto Jacuí. Fundada por imigrantes italianos e alemães. O espetáculo, belezas naturais, cores, aromas que seduzem à primeira vista. O município tem como base da economia a produção agrícola. A região possui uma relação muito próxima com as águas e com a geração de energia elétrica, a partir da formação do maior lago artificial do Estado – os Alagados do Passo Real e da Barragem de Ernestina. Bonitas e agradáveis, as cidades proporcionam atrações diversificadas, eventos, muitas festas, gastronomia, artesanato.

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras, inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas que abrange também parte do Parque Nacional da Serra da Canastra. O Lago de Furnas, também conhecido como "O MAR DE MINAS", é quatro vezes maior que a Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro

BRASÍLIA, DF, BRASIL - Brasília é formada por gente de todos os lugares, todas as idades e de muitas gerações. É uma mistura de sotaques do Nordeste, Sudeste, Norte e Sul do país e até de estrangeiros. Por conta de seu rápido crescimento, já é a quarta cidade mais populosa do país. A maioria dos moradores, 52%, é mulher e tem em média 30 anos. Os primeiros habitantes que chegaram a Brasília vieram, principalmente, atraídos pelos empregos na construção civil e ajudaram na construção da capital. Eles eram chamados de candangos e aqui construíram e criaram famílias

TOMBOS, MINAS GERAIS - Na cachoeira três tombos, verdadeira obra da natureza de imensurável beleza que constitui um cartão postal da cidade com 62 metros de altura. A Gruta Pedra Santa localizada no distrito de Catuné, uma obra construída pela própria natureza. Ao longo do tempo a grande pedra foi desintegrando-se e formou-se um grande salão, onde ergueu-se a capela em Honra a Nossa Senhora de Lourdes. Praças diversas, museu municipal que funciona na antiga estação ferroviária, usina hidrelétrica de Tombos e os dois distritos “Catuné” e “Água Santa” valem uma visita à cidade de Tombos

IGATU, ANDARAÍ, BAHIA - Eh uma verdadeira cidade de pedra. "Sagrada" pra quem viveu lá durante o auge do ciclo do diamante. O trajeto até a vila já é uma atração: a estrada de acesso pela BA-142 é cheia de mirantes naturais. Ao chegar, a impressão é de ter voltado no tempo, quando igatu era chamada de Xique Xique e famosa pela extração de diamantes. Hoje não há farmácias, o hospital mais próximo fica em Andaraí, a 12 km. Em outros tempos quem diria? Cabarés, cassinos, lojas, cadeia, cartório, cinema...

RIO DE JANEIRO, BRASIL - Do primeiro ao último minuto do ano, não falta o que fazer, o que visitar e o que rever no Estado do Rio de Janeiro, que não por acaso ostenta o rótulo de Maravilhoso. Além das praias e de seus outros dois ícones geográficos – o Corcovado e o Pão de Açúcar – o Rio vem ganhando uma série de atrativos culturais e gastronômicos. Quem deixa a capital e percorre o litoral fluminense encontra praias de beleza raríssima. Ao norte, na Região dos Lagos, estão as dunas de Cabo Frio, as águas translúcidas e frias de Arraial do Cabo, boas para mergulho, a badalação de Búzios e as trilhas rurais de Rio das Ostras

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

GRAMADO, RIO GRANDE DO SUL - Faltava neve à Gramado para que ela assumisse de vez o título de “Suíça brasileira”. Não falta mais: o Snowland, primeiro parque de neve artificial indoor das Américas, trouxe esportes de inverno à cidade, que já era famosa pelas construções enxaimel (aquelas de paredes esquadrinhadas com tirantes de madeira), pelas fondues nos bons restaurantes suíços e pelo climinha gostoso da Serra Gaúcha.

CAMPO BELO, MINAS GERAIS - A primeira cidade do Brasil a ter um time de Rugby (Campo Belo Rugby - CBR) A cidade tem paisagens deslumbrantes com campos a perder de vista. Ideal para a prática de esportes de aventura, ecoturismo, esportes náuticos com várias cachoeiras, praias de água doce além da tradicional e boa comida mineira. Uma cidade tranquila, acolhedora com boas opções para hospedagem