Pular para o conteúdo principal

RIO BRANCO, ACRE - Um cenário eclético de raças, crenças e costumes, cultura, artesanato, folclore e culinária




CONHEÇA A CIDADE DE "RIO BRANCO", ACRE, BRASIL DA JANELA DO TREM
A CIDADE DE RIO BRANCO, ACRE
A capital do Acre fica na tríplice fronteira entre Brasil, Peru e Bolívia. Mais próxima do oceano Pacífico que do Atlântico. Isto faz da cidade um cenário eclético de raças, crenças e costumes, cultura, artesanato, do folclore e da culinária. Lembre-se que o Acre tem fuso horário de duas horas a menos em relação a Brasília. Uma das melhores opções é conhecer o Parque Ambiental Chico Mendes, com um memorial repleto de painéis sobre o seringueiro. Metade da reserva é coberta por uma rica floresta, repleta de espécies animais e vegetais, e o restante do parque tem campo de futebol, mirante, quadras de areia e ciclovia, além de trilhas.
O PARQUE DA MATERNIDADE TEM CICLOVIA, QUADRAS, BARES E PISTA DE COOPER EM RIO BRANCO, ACRE
Dentro do Parque da Maternidade, a Casa dos Povos da Floresta representa uma maloca indígena por fora e uma casa de ribeirinho por dentro
O Museu da Borracha esta repleto de objetos indígenas, fósseis, réplica de casa dos seringueiros e painéis sobre cultura, religião e a revolução acreana. Na gastronomia os pratos típicos como Pirarucu à Casaca e quibes de arroz e de macaxeira, influência da comunidade árabe, e a Saltenha prato típico da Bolívia, uma espécie de pastel frito recheado com frango, batata, alho e cebola e costela de tambaqui.
ESTÁDIO ARENA DA FLORESTA, RIO BRANCO, ACRE

Rio Acre divide a cidade
O Palácio Rio Branco, um dos mais famosos palácios, construído em 1930 para abrigar a sede do governo do estado. Gameleira, árvore histórica, fica na "curva" do rio Acre, onde a cidade nasceu. Catedral de Nossa Senhora de Nazaré é uma construção em estilo romano e basílica. Praça Plácida de Castro, conhecida também por Praça da Revolução, localiza-se no centro da cidade. Memorial dos Autonomistas possui um museu sobre a aquisição do Acre pelo Brasil, exposições de quadros de pintores regionais, um café e um teatro.
TRECHO DA RODOVIA TRANSOCEÂNICA, QUE LIGA RIO BRANCO AOS PORTOS PERUANOS DE ILO, MATARANI E SAN JUAN DE MARCONA
Inaugurada em 2006, a Passarela Joaquim Macedo virou um cartão-postal da cidade
Passarela Joaquim Macedo, que liga os dois distritos da cidade. Mercado Velho, à margem esquerda do rio Acre, foi construído na década de 1920, sendo uma das principais construções em alvenaria da época. Parque da Maternidade é a obra de maior expressão na cidade de Rio Branco. Com uma extensão de 6.000m, corta grande parte da cidade, possuem quadras de esportes, quiosques, restaurantes, ciclovia e pistas de skate. Um lugar destinado à prática de esportes.
BEM VINDO A CIDADE NATUREZA. BEM VINDO A RIO BRANCO
AQUI O RIO ACRE CORTANDO A CIDADE DE RIO BRANCO AC
imagem - Wikipédia
População estimada 2016 (1) - 377.057
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 8.835,520
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 38,03
Código do Município 1200401
Gentílico - rio-branquense
ORIGEM DO NOME DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
EM 1909 PASSOU A SER DENOMINADA PENAPÓLIS (EM HOMENAGEM AO ENTÃO PRESIDENTE AFONSO PENA) E, EM 1912 , RIO BRANCO, EM HOMENAGEM AO BARÃO DE RIO BRANCO, CHANCELER BRASILEIRO CUJA AÇÃO DIPLOMÁTICA RESULTOU NO TRATADO DE PETRÓPOLIS.
Gentílico: rio-branquense
HISTÓRICO DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
Em 1882, o vapor sobe o rio Acre e desembarca os Irmãos Leite no seringal Bagaço. Neutel Maia decide ficar algumas milhas acima e no dia 28 de dezembro funda o Seringal Empreza, na volta do rio onde está situada a Gameleira. Depois o mesmo vapor ainda deixa Manuel Damasceno Girão na foz do Xapuri, onde fundou o seringal Xapuri. 
Nesse momento de expansão do extrativismo da borracha, quando o Acre era ainda considerado território boliviano, o Seringal Empresa, na rota entre Porto Acre e Xapuri, núcleo dinâmico da atividade econômica que dava a lógica à invasão da floresta, vai se constituindo no núcleo de um entreposto comercial.
Paralelamente, na fronteiriça margem do mesmo rio Acre, um novo centro se formava, dando lugar ao nascimento de um pequeno burgo comercial, livre, com o nome de Empresa Nova ou simplesmente Empresa, ao passo que o primitivo passava a ser conhecido como Empresa Velha. 
Em 1904 o atual município de Rio Branco torna-se sede do Departamento do Alto Acre. "Excepcionalmente, a sede da Prefeitura do Alto Acre funcionou em Empresa Nova, que desde então foi denominada Vila Rio Branco, compreendendo, então, já os dois bairros do mesmo lado, ligados por um projeto da avenida. Desde o estabelecimento da sede administrativa do território em 1903, quando então foi denominada Vila Rio Branco, até 1912, quando se estabelece definitivamente a denominação do futuro município, sua denominação oscilou entre uma homenagem ao Barão de Rio Branco e Penápolis, em homenagem ao presidente Afonso Pena. Em 1912, por força do Decreto Federal n.º 9.831, de 23 de outubro, passa à categoria de cidade com o nome de Rio Branco.
AQUI A ENTRADA DO AEROPORTO DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Gabriel JMC
AQUI A ENTRADA PARA A UNIVERSIDADE FEDERAL DE RIO BRANCO, AC
imagem - Wikipédia
VIA VERDE NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Wikipédia
PARQUE DA MATERNIDADE EM RIO BRANCO, AC
INAUGURADO EM 28 DE SETEMBRO DE 2002, É A OBRA DE MAIOR EXPRESSÃO NA CIDADE DE RIO BRANCO. COM UMA EXTENSÃO DE 6.000M, CORTA GRANDE PARTE DA CIDADE. POSSUI QUADRAS DE ESPORTES, QUIOSQUES, RESTAURANTES, CICLOVIA E PISTAS DE SKATE. UM LUGAR DESTINADO À PRÁTICA DE ESPORTES.
imagem - Wikipédia
imagem - Davizão
imagem - Jezaflu
imagem - Davizão
SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA MUNICIPAL DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Jezaflu
TERMINAL URBANO NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Wikipédia
UNIDADE DE ARTE
imagem - Wikipédia
PRAÇA DOS POVOS DA FLORESTA
imagem - ?
imagem - ?
ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Davizão
PALÁCIO RIO BRANCO NA CAPITAL DO ACRE
É UM DOS MAIS FAMOSOS PALÁCIOS DE RIO BRANCO, CONSTRUÍDO EM 1930 PARA ABRIGAR A SEDE DO GOVERNO DO ESTADO. EM 1999, INICIOU-SE UM PROCESSO DE RESTAURAÇÃO DO IMÓVEL, RESPEITANDO SUAS CARACTERÍSTICAS HISTÓRICAS E SEU INEGÁVEL VALOR POLÍTICO, ARQUITETÔNICO E CULTURAL.
imagem - Davizão
INAUGURADO EM 1930, O PALÁCIO RIO BRANCO FOI INSPIRADO NA ARQUITETURA GREGA
FUNDOS DO PALÁCIO RIO BRANCO
imagem - Davizão
VEJA ALGUMAS IMAGENS DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Jezaflu
imagem - Jezaflu
imagem - ?
imagem - Davizão
imagem - Davizão
PRAÇA PLÁCIDO DE CASTRO EM RIO BRANCO, AC
CONHECIDA TAMBÉM POR PRAÇA DA REVOLUÇÃO, LOCALIZA-SE NO CENTRO DA CIDADE, EM FRENTE AO QUARTEL DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO ACRE. PASSOU POR UMA RECONSTRUÇÃO RECENTE, SENDO A MAIS ARBORIZADA DA CIDADE. ATUALMENTE A PRAÇA É FREQUENTADA POR ESTUDANTES E PELA JUVENTUDE DE RIO BRANCO.
imagem -  Wikipédia
imagem - ?
MUSEU DA BORRACHA NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
O ACERVO DO MUSEU REÚNE PEÇAS DE ARQUEOLOGIA, PALEONTOLOGIA, HISTÓRIA, COLEÇÃO DE MANUSCRITOS E DOCUMENTOS REFERENTES À HISTÓRIA DO ACRE.
imagem - Davizão
AVENIDA ROCHA VIANA NA CAPITAL RIO BRANCO AV
imagem - Jezaflu
BIBLIOTECA PÚBLICA DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Jezaflu
MERCADO VELHO / CENTRO HISTÓRICO DE RIO BRANCO, AC
Construído na Década de 20, do século passado, na gestão do governador do território, Hugo Carneiro. Foi uma das principais construções em alvenaria da época. Passou por uma obra de revitalização que resgatou a importância do espaço e levou a população a visitá-lo com mais freqüência.
No prédio do novo Mercado Velho, os antigos comerciantes, muitos com quarenta anos de atuação no local, foram mantidos em suas vendas, bazares, lojinhas de ervas e produtos religiosos. No local, também funcionam pensões, lanchonetes cafés e uma loja de artesanato. Localização: margem esquerda do Rio Acre, na Avenida Epaminondas Jácome – Centro.
Praça da Bandeira, onde está localizado o Novo Mercado Velho
CATEDRAL DE NOSSA SENHORA DE NAZARÉ NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
Foi inaugurada em 1959, em estilo romano-basilical, com três naves separadas com 36 vitrais coloridos na parte superior e 11 na parte inferior. Possui um mausoléu com os restos mortais de Dom Giocondo Maria Grotti e Dom Júlio Maria Mattioli. Aberta de 2ª a 6ª feira das 7h às 12h e das 14h30 às 20h; sábado das 6h às 12h e das 17h às 20h30 e domingo das 6h às 9h30 e das 16h às 20h30. Localização: Praça da Catedral, nº 8 – Centro. Tel. (68) 3224-1932.
IGREJINHA DE FERRO NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
Idealizada pelo proprietário do Seringal Bom Destino, Joaquim Victor, para cumprir promessa a Nossa Senhora, caso Plácido de Castro saísse vitorioso na Revolução Acreana juntamente com seus seringueiros. Foi construída com chapas galvanizadas pré-fabricadas na Alemanha e montada por dois engenheiros alemães. Único marco histórico-religioso da Revolução Acreana. Horário: de 2ª a 6ª feira das 07h30 às 17h. Localização: 4º Bis, Rua Colômbia, 708 – Bosque. Tel.: 3216-2964.
CENTRO HISTÓRICO DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
Centro histórico da cidade de Rio Branco capital do Acre - GAMELEIRA - Data de 1882, quando acampou o desbravador Neutel Maia, fundador do Seringal Empreza, origem de Rio Branco. A gameleira é uma frondosa árvore com mais de 2,5m de diâmetro no tronco, com mais de 20 metros de altura e, com o sol a pique, sua sombra tem por volta de 30m de diâmetro. Foi testemunha de duas batalhas da revolução acreana. Tombado monumento histórico pelo Dec. Municipal nº 752, de 28 de dezembro de 1981.
A Gameleira, árvore de 20m de altura por 2,5m de diâmetro, foi considerada monumento histórico em 1981.Os antigos casarões do calçadão da Gameleira viraram bares, restaurantes e centros culturais
Com a construção do novo calçadão e a reurbanização do sítio histórico do 2º Distrito a gameleira transformou-se em ponto de encontro, de entretenimento e de um bom papo. Localização: Rua Cunha Matos – 2º distrito.
imagem - Davizão
imagem - Jezaflu
imagem - Jezaflu
imagem - Jezaflu
imagem - Jezaflu
imagem - Jezaflu
PARQUE CAPITÃO CIRIACO NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Jezaflu
PASSEIO ACOMPANHANDO O RIO ACRE EM RIO BRANCO, AC
imagem - Davizão
PRAÇA CENTRAL DA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - ?
PRAÇA DOS SERINGUEIROS NA CIDADE DE RIO BRANCO, AC
imagem - Jezaflu
MAIS UMA PRAÇA
imagem - Davizão
PONTO DE ÔNIBUS
imagem - Davizão
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE RIO BRANCO, ACRE
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO, ACRE

VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE



fonte / fotos = IBGE / Wikipédia / Thymonthy Becker / Internet / Divulgação / mochileiro.tur.br / viajeaqui.abril.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

5 ESTRADAS BRASILEIRAS QUE VALE A PENA DIRIGIR POR ELAS - Viajar de carro pode ser muito bom, se for por uma dessas estradas. Confira cinco trechos que agradam tanto quanto o destino final de suas férias

CONHEÇA 05 ESTRADAS QUE VALE A PENA VOCÊ VIAJAR DE CARRO POR ELAS. Há quem diga que o importante não é o destino final, e sim o caminho até lá. Em uma viagem de carro, não costuma ser bem assim, considerando o péssimo estado do asfalto de nossas estradas, além do custos do pedágio, motoristas ruins e a falta de uma boa paisagem. Mesmo com todos esses problemas, é possível aproveitar um passeio automotivo pelo Brasil em uma das cinco estradas escolhidas pela Hertz, empresa especializada em aluguel de veículos: Confira ESTRADA REAL / MINAS GERAIS / RIO DE JANEIRO / SÃO PAULO  Também conhecida como Caminho Real, é uma das estradas mais famosas do Brasil, por ser um dos principais pontos turísticos do País. Tem 1.630 quilômetros de extensão, passando por Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Motivos não faltam para visita-la, com um circuito de 179 cidades históricas, passando por belas paisagens formadas pelos trechos de mata atlântica. Tem até atividades fora do carro, como caminhada…

REPRESA DE FURNAS, SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS - Em 1963 fecharam o túnel que criou praias, formou cânions, inundou vilarejos mudando para sempre a história de 34 cidades mineira e formando o espetacular “Mar de Minas”

CONHEÇA A "REPRESA DE FURNAS", SÃO JOSÉ DA BARRA, MINAS GERAIS, BRASIL foto - Thymonthy Becker No dia 9 de janeiro de 1963 o túnel que desviou o curso do rio Grande para a construção da Usina de Furnas foi fechado e as águas que formaram um dos maiores reservatórios do mundo, criou praias, formou cânions e cachoeiras inundou vilarejos e mudou para sempre a história dos 34 municípios que ficam ao longo dos 1.440 km2 de extensão do Lago de Furnas. (Thymonthy Becker) A sede do município de Guapé ficou praticamente submersa, o que levou à construção de uma nova sede em local definido pela população. O distrito de São José da Barra, então pertencente a Alpinópolis e emancipado em 1994, ficou integralmente debaixo das águas e deu lugar à "Nova Barra", que a pedido do padre Ubirajara Cabral, pároco local, foi construída pela Central Elétrica de Furnas na forma de um banjo. (Thymonthy Becker) A maioria dos municípios possuía vocação agropecuária, mas com o alagamento das ár…

VIRGINÓPOLIS, MINAS GERAIS - Alem da festa da Jabuticaba que acontece anualmente, a cidade possui uma das maiores escadarias de igreja do mundo, com mais de 500 degraus

CONHEÇA A CIDADE DE "VIRGINÓPOLIS", MINAS GERAIS, BRASIL A cidade é regionalmente conhecida pela tradicional Festa da Jabuticaba, que ocorre anualmente em setembro. Um aspecto interessante é que, apesar da festa, a cidade não se configura como grande produtor da fruta.  Outro aspecto cultural interessante é a presença da Capela de Nossa Senhora do Patrocínio, que possui uma das maiores escadarias de igreja do mundo, com mais de 500 degraus, construídos pelos próprios moradores da cidade em mutirões realizados no fim da década de 1980.  CASARÃO NA CIDADE DE VIRGINÓPOLIS, MG(asminasgerais.com.br) CASARÃO EM VIRGINÓPOLIS, MG (asminasgerais.com.br) CENTRO DA CIDADE DE VIRGINÓPOLIS, MG (asminasgerais.com.br) PRAÇA EM VIRGINÓPOLIS, MG (asminasgerais.com.br) VIRGINÓPOLIS, MG(asminasgerais.com.br)
CASARÃO EM VIRGINÓPOLIS, MG(asminasgerais.com.br)
PRAÇA EM VIRGINÓPOLIS, MG(asminasgerais.com.br)
RUA CENTRAL DA CIDADE DE VIRGINÓPOLIS, MG(asminasgerais.com.br)
UMA DAS MAIORES ESCADARIAS …

ITUIUTABA, MINAS GERAIS - Com vários atrativos turísticos como cachoeiras, trilhas, museu, parques. artesanato regional e a famosa cachaça artesanal

CONHEÇA A CIDADE DE "ITUIUTABA", MINAS GERAIS, BRASIL BEM VINDO A CIDADE DE ITUIUTABA, MG. PORTAL DO TRIÂNGULO MINEIRO foto - ? População estimada 2016 (1) - 103.945 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 2.598,046 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 37,40 Código do Município 3134202 Gentílico - ituiutabano Prefeito 2017 / FUED JOSE DIB ORIGEM DO NOME O nome da cidade eh de origem indígena: I - rio, TUIU ­barrento; TABA - povoação, cidade. “Cidade do rio barrento”
Gentílico: ituiutabano HISTÓRICO Ituiutaba é uma fusão de vocábulos tupis que significa "povoação do rio Tijuco". Os primitivos habitantes do município eram ameríndios, pertencentes ao grupo Gê, também chamados caiapós. Uma das tribos que deixaram fama na região foi a dos panariás, muito bem estudada por Alexandre Barbosa, de Uberaba. Por fim ela foi aldeada na atual povoação de São Francisco de Sales, às margens do Rio Grande, no vizinho município de Campina Verde. Os panariás - assinala o his…

PONTE NOVA, MINAS GERAIS - No circuito turístico Montanhas e Fé da Estrada Real e Rota Imperial

CONHEÇA A CIDADE DE "PONTE NOVA", MINAS GERAIS, BRASIL Foto - Ronaldo Fernandes PARQUE MUNICIPAL NATURAL "TANCREDO NEVES" EM PONTE NOVA, MG
Foto - Isabella Ottoni
PONTE DA BARRINHA EM PONTE NOVA, MG
Foto - Ronaldo Fernandes
RIO PIRANGA EM PONTE NOVA, MG
Foto - Isabella Ottoni 
SEDE DA FAZENDA SANTA HELENA EM PONTE NOVA, MG
Foto - Ronaldo Fernandes
USINA SANTA HELENA EM PONTE NOVA, MG
Foto - Isabella Ottoni
VISTA GERAL DA CIDADE DE PONTE NOVA, MG
Foto - Ronaldo Fernandes
PONTE DE FERRO EM PONTE NOVA, MG
Foto - Ronaldo Fernandes
BEM VINDO A CIDADE DE PONTE NOVA. TERRA NATAL DE REINALDO - ÍDOLO DO CLUBE ATLÉTICO MINEIRO E DA DUPLA SERTANEJA VICTOR E LÉO
foto - ?
População estimada 2016 (1) - 60.188
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 470,643
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 121,94
Código do Município 3152105
Gentílico - ponte-novense
Prefeito 2017 / WAGNER MOL GUIMARÃES
ORIGEM DO NOME
A SEGUNDA metade do século XVIII, uma comissão incumbida oficialmente de abrir u…

SERRA DO NAVIO, AMAPÁ - A História da Serra do Navio remonta aos anos 1950. A região era rica em manganês e outros minérios. Por isso, a brasileira ICOMI, com sede em Belo Horizonte e atuação em Minas Gerais, foi escolhida para explorar o minério e construir a vila operária, que daria origem à cidade de Serra do Navio. Cada vila tinha 330 casas, prédios coletivos (escolas, hospitais, refeitórios), abrigando até 1.500 pessoas, entre trabalhadores e familiares. Tinha ruas largas, postes de concreto para a fiação elétrica e telefônica, calçadas, parques, clubes com piscina, quadras esportivas, restaurante e lanchonete, drenagem de águas das chuvas e tratamento de água e esgoto. Todas as casas tinham mais de 90m² e contavam com saneamento e energia elétrica, proveniente de geradores da ICOMI.

CONHEÇA A CIDADE DE "SERRA DO NAVIO", AMAPÁ, BRASIL CONHEÇA A FAMOSA "LAGOA AZUL" DE SERRA DO NAVIO, AP A história da Lagoa Azul se mistura à criação da Serra do Navio e à atividade de exploração na década de 1950 A Amazônia é conhecida pelos rios, igarapés e cachoeiras. Mas, a maioria das pessoas nem imaginam que aqui existam lagoas de águas azul turquesa. A 208 quilômetros de Macapá, capital do Amapá, fica a Lagoa Azul, um paraíso que nasceu de uma mina abandonada. O lugar fica próximo à Vila Serra do Navio, cidade criada na década de 1950 para abrigar os trabalhadores de uma empresa de mineração. A lagoa azul e o passado da história da Serra do Navio estão entrelaçados. De acordo com a prefeitura da cidade, a cor marcante da lagoa, em tom azul anil, acontece por conta dos minérios da região especialmente o carbonato de manganês. O lugar era uma mineração. Hoje é possível chegar até lá através de trilhas ou de carro. A região é cercada por uma floresta tropical. O…

MERCÊS, MINAS GERAIS - Famosa por seu turismo de eventos, como o Jubileu de Nossa Senhora das Mercês, que acontece na segunda quinzena de setembro; as festividades do Carnaval; Torneio Leiteiro; e Festa da Virada, que movimentam a economia da cidade e da região.

CONHEÇA A CIDADE DE "MERCÊS", MINAS GERAIS, BRASIL SEJA MUITO BEM VINDO A CIDADE DE MERCÊS, MG. UMA CIDADE ABENÇOADA foto - Thymonthy Becker AQUI O TEMPLO DA ASSEMBLEIA DE DEUS EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker SEDE DO PODER LEGISLATIVO - CÂMARA DE VEREADORES DA CIDADE DE MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker ESCOLA MUNICIPAL EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker ESTAÇÃO RODOVIÁRIA DA CIDADE DE MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker IGREJA EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker MATRIZ DE NOSSA SENHORA DAS MERCÊS E SEU INTERIOR EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker HOMENS TRABALHANDO NO TELHADO DA MATRIZ EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker foto - Thymonthy Becker NA HORA CERTA foto - Thymonthy Becker INTERIOR DA MATRIZ EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker INTERIOR DA MATRIZ EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker INTERIOR DA MATRIZ EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker INTERIOR DA MATRIZ EM MERCÊS, MG foto - Thymonthy Becker INTERIOR DA MATRIZ EM MERCÊS, MG

BAEPENDI, MINAS GERAIS - Na terra de "Nhá Chica" mais de 50 cachoeiras em meio a paisagens deslumbrantes esperam por você

CONHEÇA A CIDADE DE "BAEPENDI", MINAS GERAIS, BRASIL imagem - ? BEM VINDO A CIDADE DE BAEPENDI. TERRA DAS CACHOEIRAS imagem - ?
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 02 DE MAIO E FOI FUNDADA EM 1.856 foto - Thymonthy Becker População estimada 2016 (1) - 19.252 Área da unidade territorial 2015 (km²) - 750,554 Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 24,39 Código do Município 3104908 Gentílico - baependiano Prefeito 2017 / HILTON LUIZ DE CARVALHO ROLLO ORIGEM DO NOME Eh controvertida a origem do topônimo Baependi. Segundo uns, seria derivado de mbae (coisa), pe (interrogativo) e nde (tua) e significaria: que gente e essa (tua) ou pertence-te isto? - pergunta que teria sido feita a um indígene pelos primeiros civilizados que andaram pela região. Para outros - Teodoro Sampaio, inclusive -, e uma corruptela de mbae-pindi o limpo em alusão a uma clareira na mata marginal do rio grande, facilitando o caminho dos descobridores. Há outras interpretações, todavia.
Gentílico: baependiano Histór…

PRACUÚBA, AMAPÁ - Com grande potencial turístico com suas grandes áreas de florestas, áreas inundáveis e múltiplos ambientes pesqueiros

CONHEÇA A CIDADE DE "PRACUÚBA", AMAPÁ, BRASIL No Estado do Amapá, o Município de Pracuúba, apresenta condições favoráveis à implantação de projetos do segmento turístico, não só por possui um dos maiores patrimônios naturais, praticamente intocados, mas por reunir uma síntese de ecossistemas nativos da Amazônia.  O governo do estado visa à implementação de projetos através das políticas públicas que tenham o cunho da viabilidade social, cultural, econômica e ambiental da localidade, para possibilitar o desenvolvimento turístico através de seu potencial e primar pela sustentabilidade no município. (Internet) Pracuúba que tem um grande potencial turístico, de condições técnicas, organizacionais e gerenciais para o desenvolvimento estrutural de atividades turística na localidade. E visa também descentralizar as ações de planejamento, de coordenação, de execução e de acompanhamento avaliados pelos órgãos responsáveis, motivando os segmentos organizados e a comunidade do municípi…

INHAPIM, MINAS GERAIS - No vale do Rio Doce, entre as Verdes Montanhas das Minas gerais, com cachoeiras e trilhas, Inhapim eh uma cidade hospitaleira, charmosa com ótima comida mineira

CONHEÇA A CIDADE DE "INHAPIM", MINAS GERAIS, BRASIL, DA JANELA DO TREM

A igreja matriz é a porta de entrada da cidade.
foto - ? CONHEÇA UM POUCO MAIS DE INHAPIM POR FOTOS
BAIRRO SANTO ANTÔNIO
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira DISTRITO DE MACADAME
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira AABB (ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA BANCO DO BRASIL)
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira VILA MARQUES
Foto - Gustavo Sturzenecker Moreira