OLHANDO DA JANELA DO TREM: 02/08/18

ANTUNES, IGARATINGA, MINAS GERAIS - Um vídeo para você conhecer o distrito de Antunes





ANTÔNIO CARLOS, MINAS GERAIS - Conheça um pouco da cidade de Antônio Carlos através deste vídeo





CASAS NAS ÁRVORES - Conheça 05 pousadas no Brasil que foram construídas em árvores. Ter uma casa na árvore pode parecer coisa de criança, mas não é. Estar em contato diretamente com a natureza não só relaxar, como também alivia todo o estresse que acumulamos no dia-a-dia das grandes capitais. E o melhor de tudo: essas construções nas alturas dispõe de uma vista privilegiada, muitas vezes para o mar. Por esta razão, listamos um roteiro indispensável com 5 casas na árvore localizadas em 5 estados brasileiros, confira




CONHEÇA 05 CASAS NAS ÁRVORES QUE NÃO SÃO BRINCADEIRAS DE CRIANÇAS  E VOCÊ PODE SE HOSPEDAR NELAS - DA JANELA DO TREM
foto - ?
Ter uma casa na árvore pode parecer coisa de criança, mas não é. Estar em contato diretamente com a natureza não só relaxa, como também alivia todo o estresse que acumulamos no dia-a-dia das grandes capitais. E o melhor de tudo: essas construções nas alturas dispõe de uma vista privilegiada, muitas vezes para o mar. Por esta razão, listamos um roteiro indispensável com 5 casas na árvore localizadas em 5 estados brasileiros, confira
1ª - LENDAS DO CAPÃO, CHAPADA DIAMANTINA, BAHIA
Os troncos no interior da construção dão um toque super charmoso na arquitetura do quarto que além de um deck, possuí um sofá-cama. Para aqueles que estão a fim de pagar um pouco mais pelo conforto, a pousada oferece uma versão Deluxe, com uma lareira para aquecer nos dias frios, localizada na sala-de-estar.
© Divulgação/Lendas do Capão Lendas do Capão
© Divulgação/Lendas do Capão Lendas do Capão
2ª - CASA MONTE VERDE, MONTE VERDE, MINAS GERAIS
Além de serviços como a limpeza diária dos quartos, a diária da pousada mineira incluí café-da-manhã e wi-fi. É indicada para viagens com até três pessoas. Que tal visitar esta maravilha natural com a família?
© Divulgação/Casa Monte Verde Casa Monte Verde
© Divulgação/Casa Monte Verde Casa Monte Verde
3ª - PARATY, RIO DE JANEIRO
Por acomodar até 8 pessoas, este é o destino para famílias grandes ou para aquelas que estão a fim de marcar uma viagem inesquecível entre amigos. A vista privilegiada enche os olhos dos hóspedes com as maravilhas da fauna e da flora da Mata Atlântica.
© Divulgação/Casa na Árvore em Paraty Casa na Árvore em Paraty
© Divulgação/Casa na Árvore em Paraty Casa na Árvore em Paraty
4ª - POUSADA DO ENGENHO, SÃO FRANCISCO DE PAULA, RS
A pousada dispõe de cabanas rústicas de vários os tamanhos. Mas o diferencial da hospedagem é a casinha na árvore que pode ser incluída no pacote daqueles que estão a fim de um jantarzinho romântico a dois para comemorar a união.
© Divulgação/Pousada do Engenho Pousada do Engenho
© Divulgação/Pousada do Engenho Pousada do Engenho
© Divulgação/Pousada do Engenho Pousada do Engenho
5ª - UBATUBA, SÃO PAULO
Pertinho da capital paulista, esta charmosa casa têm referências da arquitetura contemporânea e é localizada em uma das copas mais altas das árvores ao redor, o que propicia uma invejável vista para a praia do Félix. Também é ideal para famílias grandes ou pelo menos 8 amigos, já que espaço é o que não falta!
© Divulgação/Casa em Ubatuba Casa em Ubatuba
© Divulgação/Casa em Ubatuba Casa em Ubatuba

Fonte dos textos e fotos: msn.com / Thymonthy Becker / Divulgação / 



AS 05 MELHORES PRAIAS DO CONTINENTE EUROPEU - A organização turística European Best Destinations elegeu nesta semana, com base em uma pesquisa realizada com mais de 10 mil viajantes, as cinco melhores praias da Europa. E o título de melhor ficou com um destino não tão conhecido pelo mundo: trata-se da praia de Stiniva, localizada na ilha croata de Vis, em pleno mar Adriático.




CONHEÇA AS 05 MELHORES PRAIAS DO CONTINENTE EUROPEU, ELEITA PELOS TURISTAS - OLHANDO DA JANELA DO TREM
Com o verão no Hemisfério Norte bem perto de começar, a organização turística European Best Destinations elegeu nesta semana, com base em uma pesquisa realizada com mais de 10 mil viajantes, as cinco melhores praias da Europa.
E o título de melhor ficou com um destino não tão conhecido pelo mundo: trata-se da praia de Stiniva, localizada na ilha croata de Vis, em pleno mar Adriático.
Ranking completo 
A lista da European Best Destinations trouxe o top 05 dos melhores lugares praianos da Europa, de acordo com os viajantes entrevistados. Veja as 05 melhores abaixo: (Ante Perkovic/Creative Commons)
1ª - Stiniva, na ilha de Vis, Croácia
Stiniva é perfeita para quem gosta de locais reclusos e paradisíacos. Ela fica ao pé de um conjunto de colinas no sul de Vis e, para chegar até suas areias, o mar atravessa uma passagem feita por duas formações rochosas que tem menos de cinco metros de largura.
Isso deixa a água da praia, famosa por sua tonalidade verde-esmeralda, com a tranquilidade de uma piscina natural, em um ambiente perfeito para o banho. A paisagem, por sua vez, oferece contornos ideais para fotografias.
E chegar até lá não é tão simples, pois Stiniva não é acessível a carros. Para conhecer este pedaço de paraíso, os viajantes encaram uma trilha pelas colinas desde a vila de Zuzec ou tomam barcos na praia de Rukavac, que fica na região. 
A ilha de Vis, por sua vez, pode ser acessada com embarcações a partir de Split, uma das principais cidades do litoral da Croácia. 
O local, entretanto, não é a única praia atrativa oferecida pelo país dos Balcãs. A Croácia é famosa por abrigar algumas das faixas litorâneas mais lindas da Europa, como as fantásticas Zlatni Rat e Kandalora.
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
2ª - Tossa de Mar, na Costa Brava, Espanha 
A cerca de uma hora de Barcelona você chega ao paraíso. Tossa de Mar fica na Costa Brava, ao norte da Espanha, e a 100 quilômetros da fronteira sul francesa. 
É um vilarejo pequeno, mas simplesmente fantástico, mantido ao redor de ruínas datadas desde o século IV antes de Cristo. 
Além das praias de água morna e super azul, Tossa tem atracões históricas obrigatórias como as ruínas da vila romana de Ametllers (século I antes de Cristo). 
A Igreja Paroquial (1775); as ruínas do Castelo do Abade do Mosteiro de Santa Maria de Ripoll (século IXX), com vista incrível para o mar; e a Cidade Velha construída toda em pedras e que até hoje mantém a atmosfera medieval de Tossa de Mar.
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
3ª - Praia da Concha, em San Sebastián, Espanha 
A Praia da Concha é uma praia situada na Baía da Concha, na cidade de San Sebastián (Espanha). É a praia urbana mais famosa de todo o país. 
Localizada ao oeste da desembocadura do rio Urumea, separada do mesmo pelo monte Urgull e alojada na Baía da Concha, tem comprimento médio de 1350 m, largura média de 40 m e uma área média de 54 000 m². 
É uma praia de substrato arenoso e pouca profundidade, na que o recorrido das marés muitas vezes limita a superfície útil para o uso. Pode considerar-se uma praia de ambiente urbano e uso maciço.
Os acessos de pedestres a ela são bons, assim como os transportes públicos e estacionamentos subterrâneos. É além disso desde 2007 eh um dos Doze tesouros da Espanha.
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
4ª - Ilha de Berlenga Grande, em Portugal 
A Berlenga Grande é a maior ilha do arquipélago das Berlengas, ao largo do cabo Carvoeiro, na costa de Portugal. 
Com uma superfície de aproximadamente 78,8 ha, é a única habitável pelo homem, que a vem visitando desde cerca de mil anos antes de Cristo. Denominada como Ilha de Sonho e Ilha de Saturno pelos geógrafos da Antiguidade, foi visitada ainda por vikings, mouros e corsários franceses e ingleses. 
Em 1513, os monges da Ordem de São Jerónimo aí fundaram o Mosteiro da Misericórdia, sendo vencidos pela doença, pelas condições inóspitas do próprio isolamento e pelos corsários que assolavam as costas da península Ibérica. Do antigo estabelecimento monástico, existem hoje apenas alguns muros e pedras soltas, onde, na década de 1950, foi construído um restaurante (actualmente Mar e Sol). 
Cerca de um século após ter sido abandonada pelos monges, no contexto da Restauração da independência, a Coroa portuguesa determinou erguer o Forte de São João Baptista das Berlengas (1651), peça-chave da defesa do litoral de Peniche, abandonado, por sua vez, em meados do século XIX. Nesse período estava em construção o Farol Duque de Bragança, cujo alcance atinge até 30 milhas com bom tempo.
foto - ?
foto - ?
foto - ?
foto - ?
5ª - Praia de Cala Acciarino, ilhas Lavezzi, França 
O arquipélago fica no Estreito de Bonifácio, próximo a Córsega da Sardenha, no mar Mediterrâneo. Ilhas e recifes de granito formam praias e piscinas naturais que divertem banhistas e mergulhadores. Em meio a rochas também há, de presente, um visual panorâmico dos entornos, com paisagens de cair o queixo. 
Desabitadas e remotas, as ilhas não possuem hotéis, pousadas, restaurantes ou até mesmo aluguel de equipamentos, como guarda sol. O acesso é feito por passeios de barco diários, oferecidos por operadoras de turismo a partir de Lavezzi Bonifacio e Porto-Vecchio. O trajeto de cerca de 30 minutos custa, em média, 35 euro.
foto - ?
 
foto - ?
foto - ?
foto - ?

Fonte dos textos e fotos: European Best Destinations / Internet / Thymonthy Becker /


FLORESTA DE BAMBUS, ARASHIYAMA, JAPÃO - A Arashiyama exibe um cenário surpreendente que atrai turistas do mundo todo. Não é só quando o assunto é tecnologia que o Japão impressiona o resto do mundo. A natureza foi bastante generosa com esta porção oriental do mapa, a exemplo do Santuário das Raposas, a Ilha de Izu e as belas cerejeiras floridas. Arashiyama não fica atrás. A floresta de bambus verdes que se dispõem continuamente causa um efeito hipnótico de um caminho de vastidão. O lugar é fascinante.




CONHEÇA A FLORESTA DE BAMBUS, ARASHIYAMA, JAPÃO - OLHANDO DA JANELA DO TREM 
A Arashiyama exibe um cenário surpreendente que atrai turistas do mundo todo.
Não é só quando o assunto é tecnologia que o Japão impressiona o resto do mundo. A natureza foi bastante generosa com esta porção oriental do mapa, a exemplo do Santuário das Raposas, a Ilha de Izu e as belas cerejeiras floridas.
Arashiyama não fica atrás. A floresta de bambus verdes que se dispõem continuamente causa um efeito hipnótico de um caminho de vastidão. O lugar é fascinante.
Localizada na cidade de Saga Arashiyama, próxima a Kyoto, a floresta exibe um cenário surpreendente que atrai turistas do mundo todo. Uma extensa trilha entre um túnel de hastes de bambus leva os visitantes a uma verdadeira viagem. O trajeto é formado por 100 metros de caminhada.
No mês de dezembro, é realizado, em Arashiyama, o festival Hanatouro. Como parte do evento, centenas de luminárias de papel formam um cenário incrível. Os bambuzais também também fazem parte da festa, promovendo visitas noturnas em meio às belíssimas paisagens formadas pelas luzes, que tornam o ambiente místico.



Fonte dos textos e fotos: MSN.COM.BR (POR pureviagem.com.br) / Thymonthy Becker /