DA JANELA DO TREM: 01/24/18

FORMOSO DO ARAGUAIA, TOCANTINS - A maior produtora de arroz irrigado do mundo eh um santuário ecológico, às vezes cerrado, outras vezes floresta e até pantanal. Entre tantas peculiaridades do município de Formoso do Araguaia encontra-se a Lagoa do Morro Azul, um manancial de águas termais surgidas da fenda de um bloco de rocha calcária, numa abundância impressionante, que de imediato vai dando formação a uma bela e cristalina piscina natural. Nas proximidades encontra-se a Casa de Pedra e o Morro Azul de onde é extraído calcário, usado na agricultura para a correção do solo, cal, brita, granitina.




CONHEÇA A CIDADE DE "FORMOSO DO ARAGUAIA", TOCANTINS, BRASIL - DA JANELA DO TREM
FORMOSO DO ARAGUAIA / TOCANTINS / BRASIL
SEJA MUITO BEM VINDO A CIDADE QUE TEM O SANTUÁRIO ECOLÓGICO MAIS IMPORTANTE DO BRASIL E MAIOR PRODUTOR DE ARROZ IRRIGADO DO MUNDO.
foto - PMFA
AQUI UMA VISTA AÉREA DA CIDADE DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Carfrei
AQUI UMA CASA DE PEDRA EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Plínio Fabrício
imagem - ?
ESTE EH O LAGO MUNICIPAL
imagem - Cleyson Lima
AQUI A PASSARELA DO LAGO MUNICIPAL EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Cleyson Lima
Entre tantas peculiaridades do município de Formoso do Araguaia encontra-se a Lagoa do Morro Azul, um manancial de águas termais surgidas da fenda de um bloco de rocha calcária, numa abundância impressionante, que de imediato vai dando formação a uma bela e cristalina piscina natural. Nas proximidades encontra-se a Casa de Pedra e o Morro Azul de onde é extraído calcário, usado na agricultura para a correção do solo, cal, brita, granitina.
UMA ÁGUA PÉ NA LAGOA
imagem - ?
ILHA DO BANANAL EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
CONSIDERADA UM DOS MAIS IMPORTANTES SANTUÁRIOS ECOLÓGICOS DO BRASIL, A ILHA DO BANANAL APRESENTA-SE SOB DIVERSAS FORMAS: ÀS VEZES CERRADO, EM OUTROS PONTOS FLORESTA E EM DETERMINADAS PARTES, TÍPICA REPRESENTANTE DO PANTANAL. CERCADA PELOS RIOS ARAGUAIA E JAVAÉ CRIA-SE UMA ÁREA DE 1 MILHÃO E 900 MIL HECTARES ESPARRAMADOS SOBRE UMA EXTENSÃO DE 350 KM NO SENTIDO NORTE-SUL E 80 KM LESTE-OESTE, CARACTERÍSTICA QUE A COLOCA NA CONDIÇÃO DE MAIOR ILHA FLUVIAL DO MUNDO.
imagem - ?
O RIO ARAGUAIA EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - ?
NA REGIÃO DA ILHA DO BANANAL
imagem - ?
O TUCANO EH COMUM NA ILHA DO BANANAL
imagem - ?
AQUI AS COLORIDAS CASAS DE UMA VILA. OLHE QUE CENA LEGAL. INSPIRA MUITAS COISAS. A RUA SERIA O CAMPO DE PELADAS DO ENTARDECER. DE MANHÃ O LUGAR CERTO PARA SE SOLTAR PAPAGAIOS, OU EMPINAR COMO DIZEM ALGUNS. A NOITINHA A TURMA SENTADA NA PORTA DE ALGUMA DAS CASAS, CONTANDO HISTÓRIAS. MUITO LEGAL.
imagem - Israel Oliveira
ESTA EH A AVENIDA PAULO PARRIÃO EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues

ESTA EH A AVENIDA PERIMETRAL
imagem - Lucas Rodrigues
AVIÃO AGRÍCOLA
imagem - Softmaker
A PRAÇA DA BÍBLIA. O BRADESCO ESTÁ LÁ EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues
AQUI UMA VISÃO GERAL DA CIDADE
imagem - Debarembar
A CASA DOS BOLOSEM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues
UM BELO CASARÃO
imagem - Lucas Rodrigues
AQUI O CENTRO DA CIDADE DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - DM Lopes
O COMÉRCIO LOCAL
imagem - Martin Strobach
ESTA EH A IGREJA DE NOSSA SENHORA DA NATIVIDADE EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues
ILHA DO BANANAL EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - ?

OUTRA CENA COMUM
imagem - ?
O LAGO EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Softmarker
O LAGO MUNICIPAL
imagem - Lucas Rodrigues
AQUI A LOJA DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO. A CONSTRUFORT
imagem - Construfort
UMA ESQUINA
imagem - Lucas Rodrigues
O GRANDE LAGO
imagem - Pablo Morais Brito
UMA PRACINHA
imagem - Lucas Rodrigues
PRAIA RECANTO DA ILHA EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues
PRAÇA DO BAR BARATO
imagem - Softmaker
RIO FORMOSO EM FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Martin Strobach
RUA DOS FUNDOS DA ESCOLA MUNICIPAL
imagem - Lucas Rodrigues
ESTA EH A RUA 10
imagem - Lucas Rodrigues
AQUI A ZONA RURAL DA CIDADE DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
imagem - Lucas Rodrigues
População estimada 2016 (1) - 18.713
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 13.423,387
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 1,37
Código do Município 1708205
Gentílico - formosense do araguaia
AQUI A PLANTAÇÃO DE ARROZ IRRIGADO - FORMOSO DO ARAGUAIA EH O MAIOR PRODUTOR DO MUNDO
foto - PMFA



ORIGEM DO NOME DA CIDADE DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
QUANDO OS PORTUGUESES CHEGARAM ÀS MARGENS DE UM LARGO RIO (HOJE O RIO ARAGUAIA) CHAMARAM O LOCAL DE FORMOSO, DEVIDO AS BELEZAS NATURAIS EXISTENTES.
Gentílico: formosense do Araguaia
Histórico
Formoso do Araguaia
Tocantins - TO
HISTÓRICO DA CIDADE DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO
Em meados do século XVIII, a procura pelo ouro levou os portugueses às margens de um rio, que denominaram Formoso em virtude de suas belezas naturais.
Os habitantes do local eram índios da tribo Javaé. A região ficou abandonada até 1949, quando foram descobertas minas de cristal, formando um povoado.
Em 25 de setembro de 1963, o distrito alcançou sua emancipação, com o nome Formoso do Araguaia, desmembrando-se de Cristalândia.
A partir de 1979 é implantado o Projeto Rio Formoso, de agricultura irrigada em terras contínuas, o maior da América Latina.
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE FORMOSO DO ARAGUAIA, TO

VALEU PELA VISITA - SEMPRE VOLTE



fonte dos textos e fotos: Wikipédia / IBGE / Thymonthy Becker / Portal da Prefeitura Municipal de Formoso do Araguaia / Divulgação / 

MINHA VIAGEM PARA FUNAFUTI, TUVALU - A praia de areia fininha, O jogo de Kilikiti e eu mancando no dia seguinte




LEIA O QUE ACONTECEU COMIGO QUANDO VIAJEI PARA "FUNAFUTI", TUVALU (Por Thymonthy Becker)


Como nosso objetivo era conhecer todos os países possíveis da Oceania, nosso destino desta vez foi conhecer Tuvalu, um país também formado por ilhas que também pode desaparecer devido ao aumento dos níveis dos oceanos. O ponto mais alto do país tem somente 4,5 metros, o que faz do país praticamente uma praia.
Nosso destino era a capital Funafuti, porque era a única cidade que tinha um hotel. O turismo não eh muito forte no país, talvez porque esteja a 4.000 km da Austrália ou Nova Zelândia. Que são os pontos mais próximos que você pode partir com destino a Tuvalu.
A capital Funafuti tem pouco mais de 4.000 habitantes e o país todo tem pouco mais de 10.000 habitantes.

Não há muito que ser fazer, turisticamente falando, em Tuvalu, exceto praias, corais e conhecer a cultura do povo Tuvaluano que tem seu valor. E também, nosso objetivo era conseguir comprar selos. Uma das fontes de renda do país eh a venda de selos para colecionadores. Não há museu em Tuvalu (para tristeza do Kaleb), mas o país inteiro já eh uma museu vivo. As casas tem suas coberturas feitas com a palha do coco. E não tem nada melhor que interagir com a pulação local para se enriquecer de valores, cultura e, ficar sabendo também das dificuldades devido a pouca água potável (coletar água de chuva eh essencial, mas esta chovendo pouco na ilha), risco constantes de desaparecimento de seu país que eles não gostariam de deixar pra trás. 

Depois que conhecemos a capital Funafuti, percorremos as belíssimas praias de areia fininha, saborearmos a gastronomia local que tem influência Inglesa, sabermos que Tuvalu eh o país que menos polui no mundo e o primeiro que irá desaparecer devido a poluição dos outros países, fomos conhecer uma lagoa azul que segundo informações dos moradores, tem passagens que as interligam com o oceano. Passagem que são bem profundas, disseram eles. O país está fazendo sua parte para preservar uma área de floresta justamente onde se encontra esta lagoa. 

A maioria das brincadeiras das crianças de Funafuti e de jogos em geral são feitos na praia ou mar. Ficamos olhando os habitantes locais se divertirem com estes jogos. Até nos convidaram para participarmos de um destes jogos. Entramos na brincadeira, mas nem sabíamos como era exatamente o jogo. Era jogado com duas bolas e segundo disseram o nome do jogo era "Kilikiti". Mas para mim era parecido com o Críquete.
Participando deste jogo, sem entender nada das regras, provocamos muitas risadas das pessoas que participavam do jogo ou estavam só olhando. Rimos muito também, pois estava muito divertido e muito caloroso aquele momento em que ficamos unidos pelo esporte.

O sol já se punha no horizonte, quando nos despedimos dos novos amigos que fizemos (e que ficaram em nossas lembranças) em Funafuti para irmos para o hotel, tomar um banho se fosse possível e depois jantar. Quando saímos da praia, que eh praticamente separada pelas casas e por somente uma rua, da praia do outro lado, eu distraído, não vi que vinha uma moto e acabei por entrar na frente dela. Quando vi a moto, ela já estava em cima de mim. Segurei na moto como pode, fui arrastado por um pequeno trecho até que a moto parou e eu então cai no chão. levantei rapidamente e fui de encontro aos meus amigos que já vinham em eu encontro. O motoqueiro ficou atrás de mim, perguntando se eu tinha me machucado. Eu dizia que estava tudo bem e fui indo embora. Como eu segurei no farol da moto, este acabou quebrando e ficando na minha mão quando caí. depois de afastar um pouco e ficar longe dos olhares das pessoas eu fui ver o que tinha acontecido comigo.

Minha perna estava vermelha, provavelmente encostei em alguma parte quente da moto, o braço estava arranhado e meu joelho doía muito. Meus amigos já estavam me zoando como sempre, dizendo que estava demorando acontecer alguma coisa comigo. Então disse que queria ir para o hotel tomar um banho e fazer curativo na perna. Como em nossas viagens levamos bastante material de primeiros socorros, não precisei procurar atendimento médico. Depois que tomei um banho, fiz os curativos com ajuda dos meus amigos e ficou tudo bem. No final, ficou a zoação de meus amigos dizendo que eu tinha quebrado o farol da moto e fugi correndo do flagrante. Riam muito disto e ficaram dizendo que eu que tinha atropelado o motoqueiro. Me zoaram muito e só pararam quando eu consegui dormir. No outro dia cedo levantei mancando, com o joelho doendo, devido a pancada que recebi na hora em que a moto bateu em mim. Ao sairmos de manhã, disse aos meus amigos para procurarmos o motoqueiro que me atropelou, para eu pagar o conserto da moto já que a culpa tinha sido minha. Não foi difícil encontrá-lo, a maioria das pessoas ali se conhecem.

Por fim, tivemos que ir embora e deixar pra trás Tuvalu, com as promessas de voltarmos antes que a ilha desapareça, talvez para sempre. Foi uma viagem bacana, num país que eh um museu a céu aberto, um povo acolhedor, sorridente, divertido e que com certeza deixará saudades. Jogando com os moradores o Kilikiti, pude ver como o jogo une as pessoas não importa a nacionalidade. Muito show de bola, muito gratificante esta nossa passagem por Tuvalu. Ficará inesquecível em nossas lembranças.
Valeu gente. Até a próxima